ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 89 result(s)

Search for : Queimaduras; Unidade de queimados; Medidas em epidemiologia

Free tissue transfers in the management of burns: experience with 58 flaps in 46 patients

Daniel Alvaro Alvarez Lazo, Salomão Chade Assan Zatiti, Olimpio Colicchio, Frederico Roncaglia, Daniel Mamere Alvarez, Isabela Mamere Alvarez, Nilton Mazzer
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(2):138-144 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Tangential excision is the debridement of necrotic tissue until viable tissue is reached. The second phase of surgical treatment is wound closure. The gold standard of wound coverage is autologus skin grafting. However, results can be disappointing in severe burns that involve the upper extremity and the neck. Fifty-eight free flaps for 46 patients with deep burns were reviewed retrospectively to determine indication, methods and outcomes.

Keywords: Burns. Microsurgery. Surgical flaps.

 

RESUMO

A grande maioria das queimaduras de terceiro grau é tratada com a excisão tangencial, seguida da enxertia de pele. No entanto, as deformidades secundárias são frequentes, principalmente nos membros superiores e na cabeça e pescoço. As contraturas causadas pelas queimaduras graves podem ser tratadas das formas mais diversas. Aquelas limitadas às pequenas áreas podem ser tratadas com zetaplastias, enxertos ou retalhos locais; mas quando a contratura é extensa é difícil atingir bons resultados com os métodos convencionais. Os autores descrevem a sistematização e a estratégia na reconstrução primária ou secundária em pacientes queimados com o emprego de 58 retalhos livres, em 44 pacientes.

Palavras-chave: Queimaduras. Microcirurgia. Retalhos cirúrgicos.

 

Reconstruction of the Burnt Neck in the Acute Phase

Roberto Cammarota Jr
Rev. Bras. Cir. Plást. 2003;18(3):33-38 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Deep burns to the anterior portion of the neck frequently cause significant deformities. The objective of this study is to describe a new surgical procedure for deep cervical burns, which tries to reduce the incidence of cervical retraction and improve the cervico mandibular angle. Over 5 years, 24 victims of deep cervical burns were treated surgically with the same technique, which consisted in debriding necrosed tissues, incising the platysma muscle at the laryngeal prominence from one angle to the other of the mandible and grafting with thicle skin according to the position of normal skin. The author concluded that this is a simple and safe procedure that provides good functional and esthetical results, is not costly, and prevents retracting sequelae.

Keywords: Burns; neck burns; cervical reconstruction in the acute phase

 

RESUMO

Queimaduras profundas na face anterior do pescoço freqüentemente causam significantes deformidades. O objetivo do presente estudo é descrever um novo procedimento cirúrgico diante de queimaduras cervicais profundas, o qual procura diminuir a incidência de retrações cervicais e melhorar o ângulo cervicomandibular. Durante 5 anos, 24 pacientes vítimas de queimaduras cervicais profundas foram tratados cirurgicamente com a mesma técnica, que consistiu em debridar precocemente os tecidos necrosados, incisar o músculo platisma na altura da proeminência laríngea de um ângulo a outro da mandíbula e enxertar com pele espessa conforme a disposição de pele íntegra. O autor conclui ser um procedimento simples e seguro, de bons resultados funcionais e estéticos, pouco oneroso ao serviço e que previne seqüelas retrácteis.

Palavras-chave: Queimaduras; queimaduras de pescoço; reconstrução cervical na fase aguda

 

Serious Microstomia Resulting from Burn by Caustic Soda: Case Report

Eduardo Mordjikian
Rev. Bras. Cir. Plást. 2002;17(1):37-50 - Case Reports

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

This study reports the case of a patient with serious microstomia resulting from burn by eaustie soda. It describes a technique for oral commissuroplasty used to treat this important tissue deformity. It also includes a literature review of the topie.

Keywords: Labial commissure; burn; commissuroplasty

 

RESUMO

É relatado o caso de um paciente com microstomia grave decorrente de queimadura por soda cáustica, sendo descrita a técnica de comissuroplastia oral utilizada para o tratamento desta importante deformidade tecidual. É feita também uma revisão bibliográfica sobre o assunto.

Palavras-chave: Comissura labial; queimaduras; comissuroplastias

 

Comparative experimental study between first treatment to hydrochloric acid burns used irrigation with water versus caustic soda

Marcos Carneiro de Lyra, Flávio A. F. S. Orgáes, Bruno P. A. Marques, Nélson Brancaccio dos Santos, Hamilton Aleardo Gonella
Rev. Bras. Cir. Plást. 2008;23(2):98-102 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Background: The literature preconises that the acids burn must be irrigated with large amounts of water as soon as possible. The base utilization in the therapy of acids chemical burns is controversies, because of the occurancy of an exothermical reaction. A chemical concept says that when an acid has to be diluted, the acid must be added to a water container, and not the opposite, because of the exothermical liberation of energy. Method: 40 rats were utilized divided in two groups of 20 rats. In both groups all rats were exposed to 12 molar hydrochloric acid for 30 seconds. One group had all rats treated with water irrigation for 15 minutes. The other group had all rats treated with caustic soda. Results: The results of the treatments were observed micro and macroscopically, and they are very similar Conclusion: The results being similar, the irrigation with water is the best choice because is cheap and easier use.

Keywords: Burns. Burns, chemical. Sodium hydroxide. Rats.

 

RESUMO

Introdução: Na literatura é amplamente preconizada para queimaduras com ácidos, uma lavagem exaustiva com água corrente o mais precoce possível. A utilização de bases no intuito de neutralizar o ácido é polêmica, pois a reação de um ácido com uma base é exotérmica. Também é um conceito em química, que a diluição de um ácido com água causa também uma reação exotérmica. Método: Foram utilizados 40 ratos divididos em dois grupos de 20 ratos. Em ambos os grupos, todos os ratos foram expostos ao ácido clorídrico 12 molar por 30 segundos e, posteriormente, um grupo teve todos os ratos tratados imediatamente com lavagem exaustiva com água corrente por quinze minutos e o outro grupo todos os ratos foram submetidos imediatamente a neutralização do ácido com soda cáustica 1 molar. Resultados: Os resultados foram observados macroscopicamente e microscopicamente e em ambos os tratamentos foram muito semelhantes. Conclusão: Como os resultados de ambas as modalidades de tratamento foram muito semelhantes, lavar com água corrente ainda é a melhor alternativa pela facilidade de manipulação e o baixo custo.

Palavras-chave: Queimaduras. Queimaduras químicas. Hidróxido de sódio. Ratos.

 

Infectious complications and predictive factors of infection in burned patients

Jefferson Lessa Soares de Macedo, Simone Corrêa Rosa, João Barberino Santos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(1):34-38 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Background: Despite advances of the treatment of burns have decreased the letality rate and improved the quality of life of burned patients, infectious complication remain a major cause of death in burn victims. Objective: The purpose of this study was to determine the principal infectious complications and predictive factors of infection in burned patients. Method: Two-hundred and seventy-eight patients consecutively admitted to the Burn Unit of Hospital Regional da Asa Norte, during 2004, were included in this prospective study. All infections were registered, starting at the day of admittance. Only burn wound infections already present on admission were excluded. Infections were grouped in three major classes: blood stream infection (BSI), pneumonia and burn wound infection. The diagnosis of infection in burn patients is based on clinical and laboratory parameters. The criteria for infections were mainly based on those given by the Center for Disease Control, Atlanta, USA. Statistical methods used were test t, Chi-square analysis with Yates´correction and logistic regression analysis. Results: Twohundred and seventy-eight patients with burn injuries, consecutively admitted to the Burn Unit of Hospital Regional da Asa Norte, during 2004, one-hundred and eleven female and 167 male patients were included in the study. Median age for the 278 patients was 24 years (range 1-82). Median total body surface area burn was 14% (range 1-100%). Onehundred and fifty-two (54.7%) patients had flame injuries, 96 (34.5%) were scald injuries, 25 (9%) electrical injuries and 5 (1.8%) chemical injuries. The median length of stay was 12 days (range 1-86 days). Fourteen (5.0%) patients died during their stay in the burns Unit. Eighty-six patients had in total 148 infections, whereas 192 patients were not infected. Fifty-seven patients had 72 episodes of bloodstream infection (BSI). Eighteen (6.5%) patients developed pneumonia. Forty-nine (17.6%) patients had burn wound infections. After multivaried analysis, the most suitable predictive factors of infection in burned patients were total body surface area burn, length of stay, isolation of fungi on culture from swabs of burn wounds and surgical procedures. Conclusions: The majority of infections were bloodstream infections, followed by wound infections and pneumonia. The appropriate knowledge of predictive factors of infectious complications in burned patients permit estimate the probability of infection using the logistic regression equation. The use of this equation may provide better guidance for the diagnostic and therapeutic handling of these complications in burned patients.

Keywords: Burns. Infection. Bacterial infections

 

RESUMO

Introdução: Os avanços no tratamento de queimados têm reduzido as taxas de letalidade e melhorado a qualidade de vida das vítimas de queimaduras. Entretanto, as complicações infecciosas continuam sendo um desafio e uma das principais causas de óbito do queimado. Objetivo: Investigar as principais complicações infecciosas e os fatores preditivos de infecção em pacientes queimados. Método: O estudo foi conduzido durante 12 meses, compreendendo 278 pacientes que foram tratados em regime de internação hospitalar na Unidade de Queimados do Hospital Regional da Asa Norte, Brasília, DF. As avaliações hematológicas, bioquímicas, microbiológicas e imunológicas foram realizadas, pelo menos, em intervalos semanais, durante a internação desses pacientes. A análise estatística foi feita por meio do teste t, qui-quadrado e regressão logística. Resultados: Dos 278 pacientes incluídos no estudo, 167 (60,1%) foram do gênero masculino. A média de idade foi 24 anos (variação de 1 a 82 anos). A média da superfície corporal queimada foi 14% (variação de 1 a 100%). Cento cinqüenta e dois (54,7%) tiveram queimaduras por chama aberta, 96 (34,5%) por líquidos quentes, 25 (9%) por eletricidade e 5 (1,8%) por agentes químicos. O tempo médio de internação foi 12 dias (variação 1 a 86 dias). Catorze (5,0%) pacientes morreram durante o estudo. Oitenta e seis pacientes tiveram um total de 148 infecções, enquanto 192 não tiveram infecção. Cinqüenta e sete (20,5%) pacientes apresentaram 72 episódios de infecção da corrente sangüínea. Dezoito (6,5%) pacientes desenvolveram pneumonia. Quarenta e nove (17,6%) pacientes tiveram infecção de ferida. Após a análise multivariada, os principais fatores preditivos de infecção em pacientes queimados foram: o tempo de internação, a superfície corporal queimada, o isolamento de fungos na ferida queimada e procedimentos cirúrgicos (desbridamentos e enxertias de pele). Conclusão: A maioria das infecções foi da corrente sangüínea, seguida por infecção da ferida e pneumonia. Um melhor conhecimento dos fatores preditivos para complicações infecciosas em pacientes queimados permite estimar a probabilidade de infecção usando uma equação de regressão logística. O conhecimento dessa probabilidade poderá facilitar o diagnóstico e o tratamento precoces dessas complicações, contribuindo para reduzir a morbidade e letalidade nesses pacientes.

Palavras-chave: Queimaduras. Infecção. Infecções bacterianas

 

Treatment of burned patients admitted in a general hospital

Jiuseppe Benitivoglio Greco Júnior, Marcus Vinícius Alfano Moscozo, Antônio Luís Lopes Filho, Cristina Maria Gil Gomes de Menezes, Francisco Marcelo de Oliveira Tavares, Gustavo Medeiros de Oliveira, Wilson Nunes da Gama Júnior
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(4):228-232 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Objective: The present study analyzes the treatment of burned patients in a general hospital from Salvador, Bahia, Brazil. Method: 150 patients with acute burn injuries were evaluated from January 1999 to May 2006. Until this time, this kind of patients weren't admitted to that hospital. All patients were assessed by the same plastic surgeon, who performed all the surgical procedures. The patients were admitted to the emergency room, and taken either to an isolated apartment, or to the semi-ICU, or to the ICU, depending on the severity of their condition. A covered bandage method was performed in the operating room, and grafting was performed as early as possible. The statistical data were analyzed by the Epi-Info system. Results: We found out that most of the patients were male (72.5%), and there were also a chemical burning rate and an 11.8% electrical burning rate, which were higher than the rates (15.7%) found in medical literature, probably because of our reference and proximity to a petrochemical polo. The mortality rate was 7.8% and the mean length of stay was 12.8 days. Conclusion: It was concluded that, even though there was no burning treatment center at that hospital, the results were satisfactory, according to the burning treatment centers analyzed.

Keywords: Burns, therapy. Burns, chemical. Burns, electric

 

RESUMO

Objetivo: O presente estudo visa analisar o tratamento dos pacientes queimados, em um hospital geral terciário, predominantemente privado de Salvador, Bahia. Método: Foram analisadas 150 vítimas de queimaduras internadas, de janeiro de 1999 a maio de 2006, onde, até então, não eram admitidos pacientes queimados. Todos foram acompanhados por um único cirurgião plástico, que realizou todos os procedimentos cirúrgicos. Os pacientes foram admitidos pela unidade de emergência e, quando preenchiam aos critérios de internação, eram encaminhados a apartamentos, semi-intensiva ou UTI, conforme a gravidade do caso. Utilizou-se o método fechado na realização dos curativos em centro cirúrgico e as enxertias foram feitas o mais precocemente possível. Os dados estatísticos foram analisados pelo sistema Epi-Info. Resultados: Foi identificada uma clientela predominantemente do sexo masculino (72,5%) e um porcentual de queimaduras químicas (15,7%) e elétricas (11,8%) maior que o encontrado na literatura, pelo fato de sermos referência de um grande Pólo Petroquímico. O tempo médio de internamento foi de 12,8 dias e a mortalidade de 7,8%. Conclusão: Concluímos que, embora não disponhamos de um centro de tratamento de queimados, nossos resultados foram equivalentes.

Palavras-chave: Queimaduras, terapia. Queimaduras químicas. Queimaduras por corrente elétrica

 

Using tamoxifen in keloid treatment

Rogério de Oliveira Ruiz, Carlos Alberto Mattar, Elias E. Zakzuk Daguer, César Magno Gomes Macena, Danilo Estevam Paranhos Ávila
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(4):225-230 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Background: We all know that the survival of the burn victims has increased due to the advances of the treatment in the critical phase. Because of that, the number of patients who shows sequels also increased. The objective of the present study is to measure the improvement in the quality of the lifetime of the patients with hypertrophic scars as result of burn or graft skin reducing, that way, the stigma caused by these scars. Many approaches have been done in order to prevent and treat pathological scars, frequently without success to some patients because the method or because of the difficulty of keeping the patient attached to the treatment. Method: Forty-six patients, 20 men and 26 women, have used 0.1% topic tamoxifen for a period of 4 to 12 months. Weekly evaluations were done during the first month and afterwards monthly, until a year. Photographs were taken after 6 months and a year. Results: Thirty-eight (82.6%) patients told that the improved in the first two weeks of treatment; 93.48% of the patients told that the scar height was reduced. In this study, we used tamoxifen citrate, an antineoplasic drug, to reduce the height of hypertrophic scars of burn marked patients. Conclusion: The results encouraged us to continue the treatment of scars with topic house use of tamoxifen.

Keywords: Burns. Keloid. Tamoxifen. Cicatrix hypertrophic

 

RESUMO

Introdução: É sabido que a sobrevivência de pacientes vítimas de queimaduras tem aumentado significativamente devido aos avanços do tratamento na fase aguda. Como conseqüência, a quantidade de pacientes apresentando sequelas também aumentou. O propósito deste estudo foi avaliar a melhora na qualidade de vida de pacientes com cicatrizes hipertróficas resultantes de queimaduras ou após enxertos de pele, através da redução do estigma causado por estas cicatrizes. Várias abordagens têm sido descritas para prevenir e tratar cicatrizes patológicas, freqüentemente sem sucesso em alguns pacientes, por causa do método ou pela dificuldade em se conseguir a aderência do paciente ao tratamento. Método: Quarenta e seis pacientes, 20 homens e 26 mulheres, usaram tamoxifen tópico 0,1%, em um período de 4 a 12 meses. Avaliações semanais foram feitas no primeiro mês e, mensalmente, até o limite de um ano. Fotografias foram tiradas após seis meses e um ano. Resultados: Trinta e oito (82,6%) pacientes relataram melhora no prurido nas primeiras duas semanas de tratamento. Melhora na altura da cicatriz foi relatada por 93,48% dos pacientes. Neste estudo, usou-se citrato de tamoxifeno, uma droga antineoplásica, para redução da altura de cicatrizes hipertróficas de pacientes seqüelados de queimaduras. Conclusão: Os resultados nos encorajaram a continuar o tratamento de cicatrizes com o uso tópico domiciliar de tamoxifeno.

Palavras-chave: Queimaduras. Quelóide. Tamoxifeno. Cicatriz hipertrófica

 

Histopathologic study of the use of topical heparin in scalded rats burns

Flávio Augusto Flório Stillitano de Orgaes, Marcos Carneiro de Lyra, Orlando Fermozelli Rodrigues Jr., Hamilton Aleardo Gonella
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(1):39-44 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Background: Burn studies and non-burn studies using parenteral heparin uncovered heparin effects which were antiinflammatory, neoangiogenic, epithelializing, collagen-regulating, and, in addition to anticoagulating. Use of heparin in burned patients, relieved pain, limited inflammation, resulted in a better evolution and skin results. This present study intend to evaluate these properties through seriated histopathologic analisys of skin treated with topical heparin only. Method: 20 rats with 2nd degree burn scalded by water at 99ºC in the back. Divided into two groups: 1) treated with topical heparin; and 2) treated with 0.9 saline solution. It was utilized diary one topical throw of heparin spray, that have 0.14ml or 1,400 UI. The rats were sacrificed through 2-3 days, and the burned skin sent to histopathologic study. The cross sections were eveluated by a pathologist that did not know which one was from group 1 ou group 2. Results: Heparin group revealed less acute (neutrophil count) and chronical (lymphocyte count) inflamatory process, more intense angiogenesis and less fibroblastic proliferation (measured the thickness from the dermal-epidermal junction) in comparison to the control group with 0.9 saline solution. Conclusion: The use of topical heparin alone improved the treatment of partial-thickness burns, resulted in less inflammatory process (acute and chronic), more neoangiogenesis, and less thick fibroblastic proliferation compared to similar burns treated with saline.

Keywords: Burns. Heparin, administração & dosagem. Rats

 

RESUMO

Introdução: Muitos estudos com uso da heparina parenteral, entre eles em queimados, demonstraram seus efeitos antiinflamatórios, angiogênico, estimulante de epitelização, modulador de colágeno, sem contar o anticoagulante. Nos queimados, aliviou a dor, limitou a inflamação, melhorando a evolução e o resultado da pele pós-queimadura. Este trabalho visa avaliar estas propriedades por meio de análise histopatológica seriada da pele tratada com heparina apenas por via tópica. Método: Foram avaliados 20 ratos submetidos à queimadura de 2º grau por escaldo com água aquecida a 99ºC no dorso. Divididos em dois grupos: 1) 10 tratados com heparina; e 2) 10 tratados com SF 0,9%. Foi utilizado um jato tópico diário de heparina sódica spray, que apresenta 0,14 ml ou 1.400 UI. Os animais foram sacrificados a cada 2-3 dias e enviada peça da área queimada para estudo histopatológico. As lâminas foram avaliadas por um patologista que desconhecia a qual grupo (1 ou 2) pertencia o corte. Resultados: O grupo 1 (com heparina) apresentou menor processo inflamatório agudo (contagem de neutrófilos) e crônico (contagem de linfócitos), angiogênese mais intensa e menor proliferação fibroblástica (medida espessura a partir da transição derme-epiderme) em relação ao grupo controle com SF 0,9%. Conclusão: A heparina sódica, em seu uso tópico isolado, melhorou o tratamento das queimaduras de acometimento parcial da pele, uma vez que diminuiu o processo inflamatório e a proliferação fibroblástica, com melhor resultado final.

Palavras-chave: Queimaduras. Heparina, administração & dosagem. Ratos

 

Use of latissimus dorsi myocutaneous flap in serious electric burnings

Yuji Ikuta, Jorge José Reis de Carvalho, Clayton Higashi Sawada
Rev. Bras. Cir. Plást. 2007;22(4):233-240 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Electrical injuries generally represent serious lesions with deforming sequels for the patient. Depending on the extension and localization of the injury, several techniques of reconstruction may be used, ranging from simple skin grafts to more complex repairs with the use of free flaps. Objective: The objective of this work is to demonstrate the use of the latissimus dorsi myocutaneous flap in the reconstruction of injuries caused by serious electrical burns. Method: Seven patients have been treated, victims of high voltage, injuries with lesions in several regions of the body. Results: In all cases, results were satisfactory, with good return of the patients to normal activities.

Keywords: Burns, surgery. Microsurgery. Burns, electric

 

RESUMO

Introdução: Queimaduras elétricas geralmente representam lesões graves com seqüelas deformantes para o paciente. Dependendo da extensão e localização da lesão, podem ser utilizadas diversas técnicas de reconstrução, variando desde simples enxertias até reparações complexas com o uso de retalhos livres. Objetivo: O objetivo deste trabalho é demonstrar a utilização do retalho miocutâneo do grande dorsal na reconstrução de lesões causadas por queimaduras elétricas graves. Método: Foram tratados sete pacientes, vítimas de lesões de alta voltagem, com lesões em diversas regiões do corpo. Resultados: Em todos os casos, foram obtidos resultados satisfatórios, com bom retorno dos pacientes às suas atividades.

Palavras-chave: Queimaduras, cirurgia. Microcirurgia. Queimaduras por corrente elétrica

 

Effects of intense pulsed light in hyperchromic post-burn scars

Cesar Isaac, Alessandra Grassi Salles, Maria Fernanda Dematte Soares, Cristina Pires Camargo, Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(3):175-179 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Abnormal scarring is very common in post burn scars sequelae. Studies using Intense Pulsed Light (ILP) as a treatment for abnormal scarring demonstrated effective results. The objective of our study was to evaluate the satisfaction rates and local complications of ILP as a treatment of post burn scars hyperpigmentation. The rationale for choosing the patient satisfaction rate as the study parameter lies in the elective cosmetic nature of the procedure. Nineteen patients (9M / 10F, mean age 25.95 years) with post burn hyperpigmentation for more than two years were enrolled on this study. They were submitted to nine monthly treatments of IPL 590nm cutoff and adjusted fluencies. The patient assessment of satisfaction rate was graded from -1 to 3 points: -1, worse; 0, no improvement; 1, mild improvement; 2, good result; and 3, excellent result. The medical observers evaluation was based on photographic documentation and used the same graded scale. Statistical analysis used Spearman coefficient (rs) and Kruskal-Wallis test. The global satisfaction mean were 0.9±0.198 for patients and 0.8±0.186 for medical observers. The calculated Spearman coefficient was (rs = -0.0013) and Kruskal-Wallis test showed that patients were significantly more satisfied as the treatment was going on (p< 0.02). After this study, authors were able to suggest: an initial test with ILP - 590nm - 16,25J/cm2 - 30ms - 1pL. The first sections should be done with 21,1±5,22J/cm2 fluency that could be enhanced to 26±2,29J/cm2 as no side effects are observed.

Keywords: Hyperpigmentation. Phototherapy. Burns, complications

 

RESUMO

Cicatrizes exuberantes são muito freqüentes nas seqüelas de queimadura. Estudos empregando o sistema de Luz Intensa Pulsada (LIP) têm mostrado efetividade no tratamento de cicatrizes exuberantes. O objetivo do presente estudo foi determinar parâmetros de segurança na utilização de LIP em seqüelas hipercrômicas pós-queimadura, avaliando-se o grau de satisfação comparativamente à presença de complicações locais a cada sessão. Participaram 19 portadores de seqüelas de queimadura há mais de dois anos, de ambos os sexos e ampla faixa que foram submetidos a nove sessões de LIP a intervalos mensais, utilizando-se filtro de corte de 590 -12000nm e fluências variadas, segundo o resultado de cada sessão. A satisfação dos pacientes foi avaliada utilizando-se escala de notas por eles atribuídas que variou de -1 (piora) a 3 (grande melhora). A avaliação dos observadores médicos foi baseada em documentação fotográfica e utilizou a mesma escala. A análise estatística utilizou o coeficiente de Spearman (rs) e a prova de Kruskal-Wallis. A média global de satisfação foi 0,9±0,198 (pacientes) e 0,8±0,186 (observadores médicos), com coeficiente de Spearman (rs = -0,0013). A prova de Kruskal-Wallis demonstrou aumento no grau de satisfação dos pacientes à medida que o tratamento era realizado (p < 0,02). Sugerimos que: inicialmente, um teste seja realizado com filtro de 590nm - 16,25J/cm2 - 30ms - 1pL, as primeiras sessões sejam realizadas com fluência de 21,1±5,22J/ cm2 e, à medida que o paciente não apresente complicações locais, esta fluência pode ser aumentada para 26±2,29J/cm2.

Palavras-chave: Hiperpigmentação. Fototerapia. Queimaduras, complicações

 

Infectious complications in burn patients

Jefferson Lessa Soares de Macedo, João Barberino Santos
Rev. Bras. Cir. Plást. 2006;21(2):108-111 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Despite advances of the treatment of burns have decreased the letality rate and improved the quality of life of burned patients, infectious complication remain a major cause of death in burn victims. Few patients are as susceptible to the development of infections as burn patients. Severe dysfunction of the immune system, a large cutaneous colonization, the possibility of gastrointestinal translocation, a prolonged hospitalization and invasive diagnostic and therapeutic procedures, all contribute to infections.

Keywords: Burns, microbiology. Burns, complications. Infection. Bacterial infections

 

RESUMO

Os avanços no tratamento de queimados têm reduzido as taxas de letalidade e melhorado a qualidade de vida das vítimas de queimaduras. Entretanto, as complicações infecciosas continuam sendo um desafio e uma das principais causas de óbito do queimado. Além da extensão da superfície corporal queimada, que acarreta alteração estrutural na cobertura cutânea com grande carga de colonização bacteriana, outros fatores favorecem as complicações infecciosas nos queimados: a imunossupressão decorrente da lesão térmica, a possibilidade de translocação bacteriana gastrintestinal e a internação prolongada. Também, o uso de cateteres e tubos, ou seja, os procedimentos invasivos diagnósticos e terapêuticos que levam ao comprometimento das defesas naturais do hospedeiro, favorecem a ocorrência de infecção.

Palavras-chave: Queimaduras, microbiologia. Queimaduras, complicações. Infecção. Infecções bacterianas

 

Microbiological evaluation of burn wounds

Alfredo Gragnani, Maria de Lourdes Gonçalves, Gustavo Feriani, Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(4):237-240 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

A variety of factors contribute to the development of infection in burned patients. The role of wound management procedures, risk factors associated with infection, typical bacterial pathogens and associated exotoxins, current problems with antibiotic resistance wound and sampling. The burn wound is an excellent culture medium for the growth of a wide variety of bacteria, due to the availability of nutrients, the moist environment and the temperature. Wound sepsis is still a leading cause of morbidity and mortality in burn patients, consequently the correct diagnosis of the nature and extent of infection is of prime importance. However, it is necessary to balance the invasiveness of the diagnostic procedures against the advantages of a precise diagnosis. It is necessary to obtain new diagnostic methods that could determine early results and not invasive procedures to improve burn treatment.

Keywords: Burns. Microbiology. Biopsy

 

RESUMO

Existe uma grande variedade de fatores que contribuem para o desenvolvimento de infecção nos pacientes queimados. Entre eles, os cuidados e procedimentos realizados nas lesões, os fatores de risco associados à infecção, os agentes infecciosos típicos, as exotoxinas associadas, problemas com a resistência aos antibióticos e as amostras para análise. O tecido queimado é um excelente meio de cultura para o crescimento de uma ampla variedade de bactérias devido à disponibilidade de nutrientes, ao ambiente úmido e à temperatura. A septicemia originada da lesão é, ainda, a causa principal de morbidade e mortalidade em pacientes queimados, conseqüentemente, é de suma importância o diagnóstico correto da natureza e extensão da infecção. Entretanto, é necessário manter o balanço entre procedimentos diagnósticos invasivos e vantagens do diagnóstico preciso. É necessária a obtenção de novos métodos diagnósticos que possam determinar o resultado mais precoce e menos invasivo para a melhoria do tratamento.

Palavras-chave: Queimaduras. Microbiologia. Biópsia

 

Flexion contracture in burned hand: treatment evaluation through open cutaneous incision and second intention scare

Carla Colado Dib; Renata Rosenfeld, José de Gervais Cavalcante Vieira Filho
Rev. Bras. Cir. Plást. 2009;24(4):456-459 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Objectives: Evaluate the evolution of patients with contracture burn hand submitted to surgical treatment across cutaneous open and second intention scare. Methods: In a period of ten months, the authors evaluated five patients with hand contracture because of burn. Three of them were male and two female, with middle ages 10 years. All the patients were submitted to open lesions using transverse incision with second intention scare. They use immobilization and physiotherapy. Results: All five operated cases show satisfactory functional evolution.

Keywords: Contracture. Hand/surgery. Burns.

 

RESUMO

Objetivos: Avaliar a evolução dos pacientes com contratura na mão queimada submetidos ao tratamento cirúrgico por meio da abertura cutânea e cicatrização por segunda intenção. Métodos: Em um período de dez meses, os autores avaliaram cinco pacientes com contraturas na mão em decorrência de queimaduras. Três eram do sexo masculino e dois do sexo feminino, com média de idade de 10 anos. Todos os pacientes foram submetidos à abertura das lesões através de incisões transversas e permitida a cicatrização por segunda intenção. Também fizeram uso de imobilização e fisioterapia. Resultados: Os cinco casos avaliados apresentaram evolução funcional considerada satisfatória pelos médicos, fisioterapeutas e pelos próprios pacientes.

Palavras-chave: Contratura. Mãos/cirurgia. Queimaduras.

 

Burn Care Unit of São Paulo Federal University: an epidemiological profile

Leandro Dário Faustino Dias; Andrea Fernandes Oliveira; Yara Juliano; Lydia Masako Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(1):86-92 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Burns constitute severe trauma and account for 100,000 hospital visits per year in Brazil. Burns units are essential for the treatment of these patients and the generation of knowledge on this subject. METHOD: This study established the annual profile of burn unit attendance between 2009 and 2012. During these years of activity, we compared the number of hospitalized patients, patient origin, burn degree, age, burn body surface area, days of hospitalization, types of surgical procedures, agents, and mortality. Possible combinations were evaluated with the chi-square test. RESULTS: A total of 321 patients were hospitalized. In 2009, 70% of the patients presented secon-degree burns; in 2012, 66% of the patients presented third-degree burns. In 2009, 37% of the patients were referred to other services; in 2012, 72% were referred. The average patient age was 29 years old in 2009 and 44 years old in 2012. Burn body surface was 13% in 2009 and 8% in 2012. Hospitalization time increased from 11 to 21 days. A total of 50 surgical procedures were performed in 2009, while 103 were performed in 2012. Flammable liquids were the most commonly observed causal agents. The overall mortality rate decreased from 7% to 4% over the study period. CONCLUSION: There was an increase in the number of referred and complex patients with higher degree burns who required longer hospital stays and a greater number of procedures over the years. The decreased mortality rate reflected the technical improvement of the unit that was established as a regional reference for the treatment of burn victims.

Keywords: Burns; Burn unit; Measures in epidemiology.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As queimaduras são traumas graves, que geram 100 mil atendimentos hospitalares por ano, no Brasil. As Unidades de Queimados são fundamentais para o tratamento desses pacientes e a produção de conhecimento sobre o tema. MÉTODO: O estudo estabeleceu o perfil de atendimento em cada ano de funcionamento da unidade no período de 2009 a 2012, e comparou, entre esses anos, a quantidade de pacientes internados, a procedência, os graus de queimadura, a idade, a superfície corporal queimada, os dias de internação, os tipos de procedimentos cirúrgicos, os agentes e a mortalidade. Para avaliação das possíveis associações, foi utilizado o teste do Qui-quadrado. RESULTADOS: Foram internados 321 pacientes. Em 2009, 70% dos pacientes apresentavam queimadura de II grau e, em 2012, 66% dos pacientes tinham queimadura de III grau. Em 2009, 37% vieram referenciados de outros serviços, e em 2012, 72%. A idade média dos pacientes foi de 29 anos em 2009 e 44 anos, em 2012. A superfície corporal queimada no início era de 13%, e em 2012, foi 8%. O tempo de internação subiu de 11 para 21 dias. Em 2009, realizaram-se 50 procedimentos cirúrgicos. Em 2012, foram 103. O agente causal mais encontrado foram os líquidos inflamáveis e a mortalidade global caiu de 7% para 4%, ao longo dos anos. CONCLUSÃO: Houve um aumento na quantidade de pacientes referenciados e complexos, com queimaduras de maior grau, exigindo mais procedimentos e maior hospitalização, ao longo dos anos. A taxa de mortalidade diminuiu, refletindo melhora técnica da Unidade, que se estabeleceu como referência regional no tratamento de queimados.

Palavras-chave: Queimaduras; Unidade de queimados; Medidas em epidemiologia.

 

High-voltage electrical burns: five-year epidemiological analysis and updated surgical treatment

Thiago Henrique Tondineli; Juan Alfredo Sanabria Rios; Karem Candelario; Ricardo Cavalcanti Ribeiro; Luiz Maceira Junior; Maria Cristina do Valle Freitas
Rev. Bras. Cir. Plást. 2016;31(3):380-384 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Evaluation of a 5-year epidemiological analysis and updated surgical treatment of high-voltage electrical burns. METHODS: A descriptive, retrospective cross-sectional study was conducted in the Center of Burn Treatment Dr. Oscar Plaisant, Federal Hospital of Andaraí, Rio de Janeiro, Brazil, from January 2009 to December 2014. A form was applied to the medical records of 38 patients included in the study in order to assess the defined variables. RESULTS: In total, 38 patients with high-voltage burns were evaluated, 95% of whom were men aged between 21 and 42 years. The most frequent place of occurrence was the workplace in 55.3% of cases. The percentage of burned total body surface area ranged from 1% to 60%. The most affected part of the body was the left hand in 55.26% cases. Presurgical preparation for self-grafting was necessary in 34.21% subjects, and the mean time elapsed was 37.5 days. The type of surgical treatment was serial debridement under general anesthesia in 100% of the patients, self-grafting in 31.6%, amputation in 18.4%, and fasciotomy in 5.3%. The mortality rate was 0%. CONCLUSIONS: The study indicated that electrical burns occur most often in young adults in the workplace; therefore, policies should be developed to raise safety awareness in the workplace. Despite the severity of the injury, patients with adequate clinical support and early surgical evaluation are more likely to survive, even with high rates of amputation, confirming the need for more research on electroporation.

Keywords: Burns; Electrical burns; Work accidents; Epidemiology.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: Avaliar cinco anos de análise epidemiológica e tratamento cirúrgico atualizado das queimaduras elétricas por alta voltagem. MÉTODOS: Foi realizado um estudo descritivo, retrospectivo de corte transversal, no Centro de Terapia de Queimados Dr. Oscar Plaisant, do Hospital Federal do Andaraí, Rio de Janeiro, Brasil, no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2014. Foi aplicado um formulário nos prontuários dos 38 pacientes incluídos no estudo, a fim de avaliar as variáveis definidas. RESULTADOS: Foram analisados 38 pacientes por queimadura elétrica de alta voltagem, sendo 95% dos casos do sexo masculino, com faixa etária entre 21-42 anos. O local de ocorrência mais frequente foi o trabalho, em 55,3%. A porcentagem de SCQ variou de 1-60%. A parte do corpo mais acometida foi a mão esquerda, em 55,26%. O preparo pré-cirúgico para autoenxertia foi necessário em 34,21%, sendo a média de tempo transcorrido 37,5 dias, o tipo de tratamento cirúrgico foi desbridamento seriado sob anestesia geral em 100%, autoenxertia em 31,6%, amputação em 18,4% e fasciotomia em 5,3% dos pacientes. A taxa de óbito foi de 0%. CONCLUSÕES: O estudo observou que as queimaduras elétricas ocorrem mais frequentemente em adultos jovens no local de trabalho, portanto, é necessário desenvolver políticas de sensibilização para a segurança no local de trabalho. Apesar da gravidade da lesão, pacientes com suporte clínico adequado e avaliação cirúrgica precoce têm mais probabilidade de sobreviver, mesmo com altas taxas de amputação, confirmando a necessidade de mais pesquisas sobre a eletroporação.

Palavras-chave: Queimaduras; Queimaduras elétricas; Acidentes de trabalho; Epidemiologia.

 

Wound management of partial-thickness skin-graft donor areas with a collagen and alginate dressing (Fibracol®): findings in 35 patients

Lincoln Saito Millan; Diego Barão da Silva; Pedro Soler Coltro; Paulo Cezar Cavalcante de Almeida; Carlos Alberto Mattar; Leão Faiwichow
Rev. Bras. Cir. Plást. 2015;30(2):273-276 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: The objective of this study was to report our findings with a collagen and alginate dressing (Fibracol®) used to cover donor areas of partial-thickness skin grafts. METHOD: We retrospectively evaluated the medical records of 35 patients in whom Fibracol® was used on donor areas. The routine used to manage the donor area is as follows: The area is covered with one or more units of Fibracol®, followed by application of a waterproof film. After three or four days, the dressing is removed and the area cleaned gently with saline and gauze; the area is dressed again if necessary. The mean patient age was 25.52 years (range, 1-65 years). RESULTS: The thigh was used as the donor area in 29 patients, the arm in 2, the leg in 4, and the trunk in 3. Two patients had more than one donor area. The mean time needed for epithelization was 4.51 days (range, 3-8 days). The Pearson correlation coefficient value correlating age and time of epithelization was -0.0755; p = 0.6685. None of the patients experienced an infection in the donor area. The ideal dressing for the donor area of split-thickness skin grafts would have multiple characteristics including low price, good patient comfort, low infection rate, and a short epithelization period. CONCLUSION: The authors report a positive experience with the use of Fibracol® in 35 patients over a period of 22 months. The mean epithelization period was 4.51 days, shorter than that in the majority of published studies, and had no correlation with the age of the patient.

Keywords: Burns; Grafts; Dressing.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: O objetivo deste estudo é relatar a nossa experiência com curativo de colágeno e alginato (Fibracol®) para cobrir áreas doadoras de enxerto de pele de espessura parcial. MÉTODO: Estudamos, retrospectivamente, 35 prontuários de pacientes que utilizaram o Fibracol® em áreas doadoras. Nossa rotina para cobrir a área doadora é a seguinte: cobertura da área com uma ou mais unidades de Fibracol® e, em seguida, com uma película à prova de água. Depois de três ou quatro dias, remover o curativo, limpar delicadamente com soro fisiológico e gaze e, quando julgava-se necessário, cobria-se novamente. A idade média foi de 25,52 anos (1-65). RESULTADOS: A coxa foi usada como área doadora em 29 pacientes, o braço em 2, a perna em 4 e tronco em 3 (2 pacientes tiveram mais de uma área doadora). O tempo médio necessário para epitelização foi de 4,51 dias (3-8). O valor de R do coeficiente de correlação de Pearson correlacionando a idade e tempo de epitelização foi -0,0755, com p = 0,6685. Nenhum dos pacientes teve infecção na área doadora. O curativo ideal para a área doadora do enxerto de pele de espessura parcial teria muitas características, incluindo: preço baixo, bom conforto do paciente, baixa taxa de infecção, período curto de tempo para epitelização, etc. CONCLUSÃO: Os autores relatam uma boa experiência usando Fibracol® em 35 pacientes, durante um período de 22 meses. O tempo para epitelização foi de 4,51 dias, mais curta do que a maioria dos trabalhos publicados, e não tinha correlação com a idade do paciente.

Palavras-chave: Queimaduras; Enxertos; Curativos.

 

Epidemiological study of patients hospitalized in the burn care unit of the Vila Penteado General Hospital - São Paulo

Eric Pimentel de Castro Leitão; Heitor Francisco de Carvalho Gomes; Victor Albuquerque Teixeira da Silva; Rodrigo Vasconcelos Santana
Rev. Bras. Cir. Plást. 2014;29(2):264-268 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Burns are injuries with major morbidity and mortality and are a considerable burden on the government. The aim of this study was to investigate the epidemiological profile of patients admitted to the burn care unit (BCU) of the Vila Penteado General Hospital (HGVP/SP). METHOD: The data analyzed were derived from patient admissions to the BCU of the HGVP, from January 2012 to July 2013, using the following variables: sex, age, cause and extent of the burn, time between burn/admission, length of stay, and patient's progress. RESULTS: The majority of admissions were observed in men (65.8%). There was a greater percentage of burn patients in the adult population (80%). Fire was the main cause of injury (58.5%), followed by scalding (19.5%); 62% of burns occurred at home and 11.5% at work. Most victims (56.1%) had medium and large burns, and 46.3% of the patients were admitted in the first 24 hours after a burn. A length of stay of less than 15 days was most common (55.4%). The hospital discharge rate was 83% with a death rate of 17%. CONCLUSION: This study demonstrated that the epidemiological profile for burns and admissions to the BCU of the HGVP was consistent with the great majority of data from other specialty centers, and emphasizes the importance of epidemiological studies on prevention.

Keywords: Burns; Epidemiology; Burn Unit.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As queimaduras são lesões de grande morbidade e mortalidade que geram considerável ônus para o estado. Este estudo tem como objetivo traçar o perfil epidemiológico dos pacientes internados na Unidade de Tratamento de Queimados (UTQ) do Hospital Geral de Vila Penteado (HGVP/SP). MÉTODO: Foram analisados os dados de internações de pacientes na UTQ do HGVP, no período de Janeiro/2012 a Julho/2013, sendo avaliadas as seguintes variáveis: gênero, idade, causa e extensão da queimadura, intervalo entre queimadura/internação, tempo de internação e evolução do paciente. RESULTADOS: Observou-se predominância das internações em homens (65,8%). Em relação à idade, houve maior concentração de queimados na população adulta (80%). O fogo foi a principal causa de lesões (58,5%), seguido pela escaldadura (19,5%); 62% das queimaduras ocorreram no domicílio e 11,5%, no trabalho. Constatou-se que a maioria das vítimas (56,1%) apresentaram queimaduras de médio e grande porte e que 46,3% dos pacientes foram admitidos nas primeiras 24 horas pós-queimaduras. Quanto ao tempo de internação, foram verificados períodos inferiores a 15 dias como sendo os de maior incidência (55,4%). Obteve-se uma taxa de altas hospitalares igual a 83%, contra uma taxa de óbitos de 17%. CONCLUSÃO: Este estudo demonstrou o perfil de queimaduras e internações na UTQ do HGVP compatível com a grande maioria dos dados de outros centros especializados, ressaltando a importância dos estudos epidemiológicos que visam à prevenção desse problema.

Palavras-chave: Queimaduras; Epidemiologia; Unidade de Queimados.

 

The use of reverse abdominoplasty for treatment of chemical burn in the thoracoabdominal region

Guilherme Gurgel do Amaral Teles; Bruno De Oliveira Barbosa; Guilherme Henrique de Castro Teixeira; Raphael Bacco da Rocha; Raphael Usero; André Campoli Frisina; Heloisa Tezzoni Rodrigues
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(1):113-117 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Chemical burn is a challenge owing to its severity compared to thermal burns. The depth and extent of lesions in different areas of the body lead us to look for different possibilities for the best treatment of the patient. A reverse abdominoplasty surgical technique was proposed; this involves a skin flap that could reduce the exposed area of a chemical burn. The result was satisfactory, reducing the patient's treatment, surgical and hospitalization time, highlighting the proposed technique as an important tool for thoracoabdominal reconstruction.

Keywords: Chemical burns; Surgical flaps; Burns; Abdomen; Sodium hydroxide.

 

RESUMO

A queimadura química é um desafio devido à sua agressividade em comparação com as queimaduras térmicas. A profundidade e extensão das lesões em diferentes áreas do corpo nos levam a buscar diferentes possibilidades para auxiliar no melhor tratamento do paciente. Foi proposto, a partir da técnica cirúrgica abdominoplastia reversa, um retalho cutâneo que pudesse reduzir a área exposta de uma paciente vítima de queimadura química. O resultado foi satisfatório, reduziu tempo de tratamento, cirúrgico e de internação da paciente, evidenciando uma ferramenta importante de reconstrução toracoabdominal.

Palavras-chave: Queimaduras químicas; Retalhos cirúrgicos; Queimaduras; Abdome; Hidróxido de sódio

 

Syndactyly after hand burn

Luiz Mário Bonfatti Ribeiro; Vicente Scopel de Morais; Flávio Amoretti Fachlnelli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):130-132 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Syndactyly caused by burns to the hand is a severe and disabling sequel that limits hand function. In most cases, it results from poor scar orientation during the acute phase of the burn. This article describes the systematic technique adopted by our institution to treat this sequel, and establishes normal parameters to be investigated and surgical techniques. METHODS: Between January 2009 and December 2012, 150 patients with syndactyly caused by burns to the hand underwent reconstructive surgery. The following 4 surgical steps were used to treat all patients: preparation of the dorsal flap; syndactyly release; migration and suturing of the flap to its new position; and skin graft to fill the remaining spaces. RESULTS: There was graft survival in 100% of cases. Partial graft loss occurred 20 cases, and there were no cases of local infection. All patients recovered their hand function, including the ability to hold, and digital abduction. CONCLUSIONS: Syndactyly after burns is extremely limiting to the patient. The use of basic techniques of flaps and grafts results in successful treatment, restoring hand function compromised by the injury.

Keywords: Burns/complications. Burns/rehabilitation. Hand. Syndactyly/surgery.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A sindactilia por queimadura é uma sequela grave e incapacitante, e limita a função preensora da mão. Na maioria dos casos, é decorrente de má orientação cicatricial na fase aguda da queimadura. O objetivo deste artigo é descrever sistematização técnica adotada em nossa instituição, estabelecendo parâmetros de normalidade a serem buscados e técnicas cirúrgicas que auxiliem no tratamento. MÉTODO: No período de janeiro de 2009 a dezembro de 2012, 150 pacientes portadores de sindactilia decorrente de queimadura da mão foram submetidos a cirurgia reparadora. Em todos os pacientes, foram adotadas 4 etapas cirúrgicas: confecção do retalho dorsal; liberação da sindactilia; migração e sutura do retalho dorsal para sua nova posição interdigital; enxertia dos gaps com pele total, preenchendo os espaços remanescentes. RESULTADOS: Em 100% dos casos houve total sobrevivência dos retalhos, com perda parcial de enxerto em 20 pacientes e nenhum caso de infecção local. Em todos os pacientes dessa série foi observada recuperação da função da mão, com capacidade de preensão e de abdução digital restauradas. CONCLUSÕES: A sindactilia pós-queimadura é uma deformidade extremamente limitante ao paciente. O emprego de técnicas básicas de retalhos e enxertos proporcionou sucesso no tratamento, com restauração da função da mão, comprometida pela lesão.

Palavras-chave: Queimaduras/complicações. Queimaduras/reabilitação. Mãos. Sindactilia/cirurgia.

 

Pleomorphic sarcoma in Marjolin 's ulcer

Gerson de Mattos Ritz Filho; Maria Roberta Cardoso Martins
Rev. Bras. Cir. Plást. 2013;28(1):172-174 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Marjolin's ulcer is a malignant transformation of traumatized or chronically inflamed cutaneous tissue that occurs after burns. The most common histological type of carcinoma found in Marjolin's ulcers is squamous cell carcinoma, followed by basal cell carcinoma and malignant melanoma. Sarcomas in Marjolin's ulcers are rare, representing approximately 5% of these malignant degenerations. In this report, we describe the case of a female patient who was burned 42 years prior, with a large ulceration on her back. Biopsy of the ulceration showed a high-grade pleomorphic sarcoma in the Marjolin's ulcer. The patient underwent resection of the ulceration and a skin graft followed by radiation therapy and adjuvant chemotherapy. In 3 years of follow-up, the patient had no tumor recurrence. Marjolin's ulcers are aggressive and have a high rate of regional metastases. It is important that clinicians develop an understanding of their prevention by properly treating burns. Sarcomas in Marjolin's ulcers are rare and few cases have been reported in the literature, which demonstrates the importance of this report.

Keywords: Burns. Sarcoma. Skin ulcer.

 

RESUMO

Úlcera de Marjolin é uma transformação maligna em tecido cutâneo cronicamente inflamado ou traumatizado, que ocorre especialmente após queimaduras. O carcinoma de células escamosas é o tipo histológico mais encontrado nas úlceras de Marjolin, seguido de carcinoma basocelular e melanoma maligno. Sarcomas em úlcera de Marjolin são raros, correspondendo a aproximadamente 5% dessas degenerações malignas. Neste artigo é descrito o caso de paciente do sexo feminino, vítima de queimadura há 42 anos, com grande ulceração em dorso. A biópsia dessa ulceração evidenciou sarcoma pleomórfico de alto grau em úlcera de Marjolin. A paciente foi submetida a ressecção da ulceração e enxerto de pele no local, seguidos de radioterapia e quimioterapia adjuvantes. Em 3 anos de seguimento, a paciente não apresentou recidiva da neoplasia. Úlceras de Marjolin são neoplasias malignas de comportamento agressivo, com alto índice de metástases regionais. A importância de seu entendimento está na necessidade de prevenção das mesmas, com o tratamento adequado dos pacientes queimados, evitando-se a cicatrização por segunda intenção. Sarcomas em úlcera de Marjolin são considerados raros, com poucos casos relatados na literatura, o que demonstra a importância deste relato.

Palavras-chave: Queimaduras. Sarcoma. Úlcera cutânea.

 

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license