ISSN Online: 2177-1235 | ISSN Print: 1983-5175

Showing of 1 until 20 from 463 result(s)

Search for : Informação; Tempo de internação; Úlcera; Pele; Cirurgia plástica

Facelift light, rhytidoplasty for the treatment of the face and neck lower third with reduced scarring and adhesion points

Isaac Rocha Furtado; Nicodemus de Oliveira Silva
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(3):283-287 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Facelift light represents a technique standardization to treat face and neck lower third, with lesser scars, SMAS plication in all patients, and adhesion points to reduce bruises. Moderate detachment allows the patient to return to their activities faster.
Methods: Surgery is performed after prior periauricular marking of all patients of the area to be detached and the skin's design to be removed. Anesthesia is local with sedation, and without the need for haircuts. Flap detachment, SMAS plication, adhesion points in the anterior and posterior flaps are performed, in addition to the internal suture by layers and liposuction of the subment when necessary. The dressing is compressive without using drains.
Results: One hundred and eighty-five patients underwent rhytidoplasty using this technique since 2014. Their age varied between 31 and 84 years, with an average of 55 years. Lymphatic drainage is performed after seven days, and after two weeks, a considerable reduction in edema has been observed.
Conclusion: Facelift light is a useful technique, simple to perform with reduced scarring and few complications, favoring the early return of patients to their activities.

Keywords: Rhytidoplasty; Plastic surgery; Abnormalities of the skin; Suture techniques; Face.

 

RESUMO

Introdução: O facelift light apresenta uma padronização da técnica com o objetivo de tratar o terço inferior da face e o pescoço, com menores cicatrizes, plicatura do SMAS em todos os pacientes e utilização de pontos de adesão para redução de hematomas. O descolamento moderado permite um retorno mais rápido do paciente às suas atividades.
Métodos: A cirurgia é feita após uma marcação prévia periauricular de todos pacientes, com a área a ser descolada e o desenho da pele a ser retirada. A anestesia é local e sedação, sem a necessidade de cortes no cabelo. É feito o descolamento dos retalhos, plicatura do SMAS, pontos de adesão nos retalhos anterior e posterior, além da sutura interna por planos e lipoaspiração do submento quando necessária. O curativo é compressivo sem a utilização de drenos.
Resultados: Foram submetidos à ritidoplastia por essa técnica 185 pacientes a partir de 2014. Com a idade variando entre 31 e 84 anos, sendo a média de 55 anos. É feita drenagem linfática a partir de sete dias e com duas semanas observou-se uma redução considerável do edema.
Conclusão: O facelift light é uma técnica eficaz, de simples execução, cicatrizes reduzidas e com poucas complicações, favorecendo o retorno precoce dos pacientes às suas atividades.

Palavras-chave: Ritidoplastia; Cirurgia plástica; Anormalidades da pele; Técnicas de sutura; Face

 

Mammoplasty with mirrored "D" technique and laser-assisted liposuc

Juan Carlos Sánchez; Patricia Jacqueline Erazo; Pia Simone Lara-Zambrano
Rev. Bras. Cir. Plást. 2021;36(4):397-406 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Mammoplasty is an aesthetic and functional procedure, considered an arduous surgery, intending to improve the breasts’ shape with a minimum of apparent scarring and reposition the nipple-areola complex. There is no standard procedure, and a technique’s choice depends on different factors, which justifies the diversity of techniques described. We will present the mirrored “D” technique broadly in different (anatomical) scenarios, together with laser-assisted liposuction with standard marking, which facilitates the surgical procedure with final symmetry and maintenance of aesthetic results, correcting the recurrences.
Methods: Technique performed in 46 patients, female, without exclusion of race, between 20 and 66 years old, operated by the authors between January 2017 and March 2020, at the Hospital Antoninho da Rocha Marmo - São José dos Campos - Brazil. Retrospective work with the application of the validated Breast-QTM questionnaire to assess the degree of satisfaction.
Results: There was no surgical revision, postoperative infection or necrosis of the papillary areolar plaque, 5 cases of papillary areolar plaque epidermolysis, treated with flavonoids and horse chestnut (linfa creamTM), without sequelae. Parenchyma resection from 80 to 1,100g, average 477.1g. Laser-assisted liposuction between 150 to 790ml, average 438.6ml. The final vertical scar averaged 6.7cm, stable after two years, with Breast-QTM evaluation of very satisfied (86%).
Conclusion: We consider the mirrored “D” technique and laser-assisted liposuction a good surgical option due to its systematization and versatility in different mammoplasty scenarios, maintaining a coniform shape with a smaller scar and maintaining the validated results.

Keywords: Breast; Lasers; Skin; Plastic surgery; Mammoplasty.

 

RESUMO

Introdução: A mamoplastia é um procedimento estético e funcional, considerada uma cirurgia árdua, com o objetivo de melhorar as mamas na sua forma com o mínimo de cicatriz aparente e reposicionar o complexo areolopapilar. Não existe um procedimento padrão e a escolha de uma técnica depende de distintos fatores, o que justifica a diversidade de técnicas descritas. Apresentaremos a técnica em “D” espelhado, de uma maneira ampla em distintos cenários (anatômicos), junto à lipoaspiração assistida por laser com marcação padrão, o que facilita o procedimento cirúrgico com uma simetria final e manutenção de resultados estéticos, corrigindo as recidivas.
Métodos: Técnica realizada em 46 pacientes, do sexo feminino, sem exclusão de raça, entre 20 a 66 anos, operadas pelos autores entre janeiro de 2017 a março 2020, no Hospital Antoninho da Rocha Marmo - São José dos Campos - Brasil. Trabalho retrospectivo com aplicação do questionário validado Breast-Q® para avaliar o grado de satisfação.
Resultados: Não teve revisão cirúrgica, sem infecção pós-operatória ou necrose da placa areolopapilar, 5 casos de epidermólise da placa areolopapilar tratados com flavonoides e castanha da índia (linfa cream®), sem sequelas. Ressecção do parênquima de 80 a 1.100g média 477,1g. LAL entre 150 a 790ml, média 438,6ml. A cicatriz vertical final média 6,7cm, estável após 2 anos, com avaliação Breast-Q® de muito satisfeito (86%).
Conclusão: Consideramos a técnica em “D” espelhado e lipoaspiração assistida por laser uma boa opção cirúrgica pela sistematização e versatilidade em diferentes cenários de mamoplastia, mantendo formato coniforme com cicatriz menor e manutenção dos resultados validados.

Palavras-chave: Mama; Lasers; Pele; Cirurgia plástica; Mamoplastia.

 

Health Risks of Ultraviolet Radiation

Patricia Pretto Juchem, Julio Hochberg, Abraão Winogron, Marcos Ardenghy, Robert English
Rev. Bras. Cir. Plást. 1998;13(2):31-60 - Articles

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Ultraviolet radiation in sunlight is critical for vitamin D synthesis in the skin and other physiological aspects of our lives. However, it produces a variety of pathologic effects, including sunburn, pigmentary change, immunologic alterations, and neoplasia. A constellation of structural alterations of the epidermis, the dermal-epidermal junction, and the dermis is uniquely characteristic of photo-damage. It has its influences in plastic surgery, such as photoaging, facial peeling, hyperpigmentation of scars. As we know, the only protection from atmosphere we have is being destroyed everyday by man and his evolution, and that is why the exposure to ultraviolet radiation without appropriate protective measures can be very damaging to our skin and health. UVR induced changes can be minimized or prevented by the use of proper clothing, appropriate application of physical and/or chemical sunscreens, behavior modification, and awareness of photosensitizing medications. The goal of this review article is to understand the deleterious effects of sun exposure and how to prevent them, as well as the cultural, economical, and educational changes we'll need to go through in view of the new atmosphere.

Keywords: ultraviolet radiation; skin cancer; photoaging; photoimmunology; plastic surgery; prevention.

 

RESUMO

A radiação ultravioleta da luz solar é crucial para a síntese de vitamina D na pele e em outros aspectos fisiológicos da vida humana. Entretanto, ocasiona uma variedade de efeitos patológicos, como queimaduras, mudanças de pigmentação da pele, alterações imunológicas e neoplasias. Uma série de alterações estruturais na epiderme, na junção dermo-epidérmica e na derme são características singulares e exclusivas do dano solar. Isso corresponde a influências na Cirurgia Plástica, como o envelhecimento causado pelo sol, "peeling" facial e hiperpigmentação de cicatrizes. Como se sabe, nossa única proteção na atmosftra contra os raios ultravioleta está sendo destruída dia a dia pelo homem e sua evolução. Por isso, a exposição à radiação ultravioleta sem meios adequados de proteção pode ser danosa à pele e à saúde. As alterações induzidas pela radiação ultravioleta podem ser atenuadas ou evitadas com o uso de roupas apropriadas, uso adequado de barreiras químicas e/ou físicas, mudanças de hábitos e cautela no uso de medicamentos fotossensibilizantes. O objetivo deste artigo é compreender os efeitos deletérios da exposição à luz solar e como preveni-los, e avaliar as mudanças culturais, econômicas e educacionais a serem implementadas tendo em vista a nova atmosfera.

Palavras-chave: radiação ultravioleta; câncer de pele; fotoenvelhecimento; fotoimunologia; cirurgia plástica; prevenção

 

Analysis of the incidence of pressure ulcers at Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência in Ananindeua, PA

Daniel Augusto dos Santos Soares; Fabiel Spani Vendramin; Lucas Montenegro Duarte Pereira; Priscyla Kowalewski Proença; Mauro Moreira Marques
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(4):578-581 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

BACKGROUND: Pressure ulcers are one of many complications to which hospitalized patients are susceptible. Such ulcers may lead to partial or total destruction of cutaneous, subcutaneous, and muscular tissues, as well as of bones and articulations. METHODS: An observational, longitudinal, and prospective study was carried out at Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência em Ananindeua, PA, Brazil. Relevant data related to gender, age (younger or older than 60 years old), impairment degree, and region of pressure ulcer impairment were collected from Intensive Care Therapy 1 (UTI 1), Surgical Clinic 1, and the Neuro Clinic. RESULTS: Among 474 studied patients, 17 developed pressure ulcers, with greater incidence among male patients (88.2%), at stage II (41.2%) and in the sacral region (40%). Patients aged more than 60 years had an incidence rate of 58.8% for pressure ulcers. CONCLUSIONS: Data obtained in this study are in accordance with the results presented in the literature. It is important to highlight the need for creating risk scales and preventive measures for decreasing the incidence of pressure ulcers in hospitals.

Keywords: Pressure ulcer/epidemiology. Skin ulcer. Incidence.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A úlcera de pressão configura-se como uma das diversas complicações às quais pacientes hospitalizados estão suscetíveis, podendo levar à destruição parcial ou total de estruturas como tecidos cutâneo, subcutâneo e muscular, ossos e articulações. MÉTODO: Estudo do tipo observacional, longitudinal, prospectivo, desenvolvido no Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência em Ananindeua, PA, Brasil. Foram coletados dados pertinentes às variáveis sexo, idade (maior ou menor que 60 anos), grau de acometimento e local de acometimento das úlceras de pressão, nos setores Unidade de Terapia Intensiva 1 (UTI 1), Clínica Cirúrgica 1 e Neuroclínica. RESULTADOS: Dentre os 474 pacientes estudados, 17 desenvolveram úlcera de pressão, com maior incidência no sexo masculino (88,2%), em estágio II (41,2%) e na localização sacral (40%). Pacientes com mais de 60 anos de idade apresentaram incidência de 58,8% de úlcera de pressão. CONCLUSÕES: Os dados obtidos neste estudo estão de acordo com os resultados apresentados na literatura. Ressalta-se a necessidade de criação de escalas de risco e medidas preventivas para diminuir a incidência de úlceras de pressão nos hospitais.

Palavras-chave: Úlcera por pressão/epidemiologia. Úlcera cutânea. Incidência.

 

An epidemiological study of the association between risk factors and skin cancer incomplete excisions

JOÃO VITOR PITHON NAPOLI; GABRIELA DUCIONI MATOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2021;36(1):40-45 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: The increasing incidence of skin cancer leads to a high number of surgical procedures worldwide. The surgical treatment of skin cancer's main objective is its complete excision, preserving the function and the best aesthetic result. Incomplete initial resection can result in recurrences and major damage. The objective is to analyze the risk factors for positive margins in the follow-up of cutaneous lesions surgically removed, for one year, in the plastic surgery department of the Royal Perth Hospital.
Methods: A survey of histopathological samples from 947 operated patients was analyzed. All patients with confirmed incomplete excision (IE) underwent a second surgery or even a third time.
Results: In total, 947 lesions were found, 6.6% of surgeries had compromised margins, with a histopathological distribution of 75% of basal cell carcinoma, 21.4% of squamous cell carcinoma, and 3.6% of other lesions. The relation of the presence of compromised surgical margins between the SCC, compared to BCC, leads to a relative risk of 2.8 and a p-value of 0.041, which suggests that the SCC is a risk factor for the presence of compromised surgical margins. For staging, the need for a second surgical approach was present in 61.29% of the patients, 20.9% were under observation, 3.2% were absent from the service, 8% went directly to chemotherapy or radiotherapy, and 6.4% rescheduled the surgery.
Conclusion: Knowledge of risk factors for positive margins is necessary for the surgeon to understand the prognosis and monitoring of each patient.

Keywords: Skin Neoplasms. Dermatology. Plastics. /pathology. Margins of Excision.

 

RESUMO

Introdução: A crescente incidência de câncer de pele leva a um alto número de procedimentos cirúrgicos em todo o mundo. O principal objetivo do tratamento cirúrgico do câncer de pele é sua excisão completa, preservando a função e o melhor resultado estético. A ressecção inicial incompleta pode resultar em recorrências e danos graves. O objetivo é analisar os fatores de risco para margens positivas no seguimento de lesões cutâneas removidas cirurgicamente, por um ano, no departamento de cirurgia plástica do Hospital Royal Perth.
Métodos: Foi analisado um levantamento de amostras histopatológicas de 947 pacientes operados. Todos os pacientes com excisão incompleta confirmada (EI) foram submetidos a uma segunda cirurgia ou até mesmo a uma terceira vez.
Resultados: No total, 947 lesões foram encontradas, 6,6% das cirurgias tiveram margens comprometidas, com distribuição histopatológica de 75% de carcinoma basocelular (CBC), 21,4% de carcinoma de células escamosas (CCE) e 3,6% de outras lesões. A relação da presença de margens cirúrgicas comprometidas entre o CCE, quando comparada ao CBC, leva a um risco relativo de 2,8 e um valor p de 0,041, sugerindo que o primeiro é um fator de risco para a presença de margens cirúrgicas comprometidas. Para o estadiamento, a necessidade de uma segunda abordagem cirúrgica esteve presente em 61,29% dos pacientes, 20,9% estavam em observação, 3,2% estavam ausentes do serviço, 8% foram diretamente à quimioterapia ou radioterapia e 6,4% remarcaram a cirurgia.
Conclusão: O conhecimento dos fatores de risco para margens positivas é necessário para que o cirurgião entenda o prognóstico e o acompanhamento de cada paciente.

Palavras-chave: Câncer de pele; Cirurgia plástica; Dermatologia; Margens de excisão; Patologia

 

Versatility of the bilobed flap

Luiz Alexandre Lorico Tissiani; Nivaldo Alonso; Marcus Hubaide Carneiro; Khaled Bazzi; Monica Rocco
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(3):411-417 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Background: The bilobed flap is a double transposition flap. Its geometric drawing allows a better distribution of tensile forces along its axis of rotation, avoiding distortions and dog ears generated by other flaps and primary closure. It can be harvested in an axial or random pattern depending on where the defect is located on the body. Methods: Retrospectively, this study reviewed 45 consecutive bilobed flaps searching for pathology, anatomical area, clinical evolution and complications. The technique utilized in drawing and harvesting the flap is described in detail. Sizes of the defects were classified as small, moderate and large, taking into account the anatomical sites. A variety of clinical cases is presented exploring the versatility of the flap and etiology of the defects. Results: The bilobed flap was employed in oncological surgery in 93% of the cases while the skin of the head was involved in 71%.The post operative period was free of complications in 85%. Infection rate was 4.4%, trapdoor scaring rate was 4.4% and partial flap loss rate was 11.1%. The overall complication rate was 15%. In spite of all complications there were no compromise in the functional and aesthetic results and the bilobed flaps proved to be resolute and reliable in different clinical presentations and body regions. Conclusions: The bilobed flap is extremely versatile, easily reproducible with wide application in plastic surgery.

Keywords: Skin. Face. Surgical flaps. Plastic surgery/methods. Reconstructive surgical procedures.

 

RESUMO

Introdução: O retalho bilobado é um retalho de dupla transposição. Sua estruturação geométrica permite melhor distribuição das forças de tensão ao longo de seu eixo de rotação, evitando distorções e redundâncias cutâneas geradas por outros retalhos ou sutura primária. Pode ser confeccionado com padrão vascular axial e aleatório, dependendo da região anatômica. Métodos: Este trabalho faz uma revisão de 45 casos operados, descrevendo em detalhes a técnica utilizada para confeccionar o retalho bilobado. Os defeitos são classificados em pequenos, médios e grandes e diversos casos clínicos são apresentados, explorando a versatilidade desse retalho em diferentes diagnósticos etiológicos e sítios anatômicos. Resultados: Em 93% dos casos, o retalho bilobado foi empregado em reconstruções oncológicas, sendo o segmento cefálico acometido em 71%. Não houve qualquer intercorrência pós-operatória em 85% dos casos. A taxa de infecção foi de 4,4%; de cicatriz em alçapão, de 4,4%; e de epiteliólise e necrose, de 11,1%. A taxa geral de complicações foi de 15%. Entretanto, tais complicações não comprometeram a evolução clínica dos casos e o retalho bilobado mostrou-se resolutivo em diferentes situações, propiciando bom resultado tanto funcional como estético. Conclusões: O retalho bilobado é versátil, de fácil execução e com ampla aplicabilidade em cirurgia plástica.

Palavras-chave: Pele. Face. Retalhos cirúrgicos. Cirurgia plástica/métodos. Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos.

 

Skin bank of Curitiba, Brazil: epidemiology of donors and recipients

GIOVANA LANDAL DE ALMEIDA LOBO; RENATA DAMIN; MARIANA CIONEK SIMÕES; MILKA TAKEJIMA; ROBSON FELIPE BUENO; MARISTELA DAL-RY-BAECHTOLD CAMPOS
Rev. Bras. Cir. Plást. 2021;36(1):46-50 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Homologous skin grafting may represent the difference between the life and death of large burned patients. Its use consists of a precious treatment when there is no availability of autologous graft. The tissue banks were created to perform the processing and storage of the allogenous skin. The objective is to analyze the epidemiological profile of skin donors and recipients from the skin bank of the Hospital Universitário Evangélico Mackenzie (HUEM) and its productivity, from its inauguration in 2013 to 2019.
Methods: Consultation of annual reports for the seven years.
Results: The skin of 187 donors was captured, of which 61% were men and 39% were women. The mean age was 41.07 years. The number of donors averaged 21.3 per year. A total of 201,000cm2 of viable tissue were collected, which resulted in 3,770 skin slides. Since 2013, 325 allogenous grafts have been performed at HUEM that have benefited 194 people. The mean age of patients receiving the skin was 34.67 years. Most of the skin captured, processed, and stored by the HUEM bank (about 91%) was used in grafting carried out in the institution itself.
Conclusion: The HUEM skin bank provided allografts that benefited 194 people in 7 years of operation. Most donors and recipients were male and approximately 40 years old. The number of captures performed by this skin bank was compatible with that of other institutions in Brazil.

Keywords: Skin; Plastic surgery; Skin transplant; Burns; Tissue donors; Tissue transplant.

 

RESUMO

Introdução: A enxertia homóloga de pele pode representar a diferença entre a vida e a morte de pacientes grandes queimados. Sua utilização consiste em um tratamento precioso quando não há a disponibilidade do enxerto autólogo. Os bancos de tecidos foram criados para realizar o processamento e armazenamento da pele alógena. O objetivo é analisar o perfil epidemiológico de doadores e receptores de pele do banco de pele do Hospital Universitário Evangélico Mackenzie (HUEM) e a sua produtividade, desde a inauguração em 2013 até 2019.
Métodos: Consulta aos relatórios anuais do período de sete anos.
Resultados: Captou-se a pele de 187 doadores, dos quais 61% eram homens e 39%, mulheres. A idade média foi de 41,07 anos. O número de doadores atingiu a média de 21,3 por ano. Foram coletados, no total, 201.000cm2 de tecido viável, que resultaram na produção de 3.770 lâminas de pele. Desde 2013, foram realizados no HUEM, 325 enxertos alógenos que beneficiaram 194 pessoas. A idade média dos pacientes que receberam a pele foi de 34,67 anos. A maior parte da pele captada, processada e armazenada pelo banco do HUEM (cerca 91%) foi utilizada em enxertias realizadas na própria instituição.
Conclusão: O banco de pele do HUEM disponibilizou aloenxertos que beneficiaram 194 pessoas em 7 anos de funcionamento. Em sua maioria, os doadores e receptores eram do sexo masculino e tinham, aproximadamente, 40 anos de idade. O número de captações realizadas por este banco de pele foi compatível com o de outras instituições do Brasil.

Palavras-chave: Pele; Cirurgia plástica; Transplante de pele; Queimaduras; Doadores de tecidos; Transplante de tecidos.

 

Use of the internet as a source of information about plastic surgery in Bahia, Brazil

Eduardo Valente Cronemberger; Mariana Lima Portocarrero; Aline Rocha Donato; Marcelo Sacramento Cunha; Thais Fagundes Barreto; José Valber Lima Meneses
Rev. Bras. Cir. Plást. 2012;27(4):531-535 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

BACKGROUND: The Internet has become one of the most important sources of health information. However, few studies have assessed the characteristics of Internet usage by patients or how the information obtained affects decisions to undergo surgery. This study describes the characteristics of Internet usage by patients who intended to undergo plastic surgery at the Unified Health System (SUS) and private networks and how it affected their confidence. METHODS: A cross-sectional observational study was performed using data collected by 200 surveys filled out by patients before the operation. One hundred surveys were sent to patients attending the outpatient clinic of Plastic Surgery of Professor Edgard Santos University Hospital (SUS), and the remaining 100 to patients treated in private health clinics in Salvador, BA. RESULTS: The frequency of Internet use to seek health information on plastic surgery differed significantly between the SUS (n = 24; 24%) and private health services (n = 64; 64%). Most of the patients (n = 48; 54.5%) visited 1 to 3 sites. The websites of plastic surgery centers were the most sought (n = 74; 84.1%), followed by the Brazilian Society of Plastic Surgery website. Half of the patients reported the existence of contradictory information. Moreover, 71 (80.7%) of the respondents reported feeling that undergoing surgery was safe. CONCLUSIONS: The Internet was widely used to seek information on plastic surgery. Although visited sites contained contradictory information, most patients felt safe before undergoing their desired surgery.

Keywords: Internet. Information. Plastic surgery.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: A internet se tornou uma das mais importantes fontes de informação sobre saúde. Poucos estudos avaliam as características do acesso à internet pelos pacientes e a influência das informações obtidas na decisão em realizar uma cirurgia. O objetivo deste estudo é descrever as características do acesso à internet pelos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) e da rede privada que pretendem se submeter a uma cirurgia plástica, bem como avaliar o impacto do acesso na confiança do paciente em realizar o procedimento. MÉTODO: Realizado estudo observacional de corte transversal com uso de dados coletados por meio de 200 questionários respondidos por pacientes ainda não operados, sendo 100 dirigidos aos pacientes atendidos no ambulatório de Cirurgia Plástica do Hospital Universitário Professor Edgard Santos (SUS) e 100, aos pacientes atendidos em consultório da rede privada de saúde, na cidade de Salvador, BA. RESULTADOS: A frequência do acesso à internet na busca por informação sobre cirurgia plástica foi significativamente diferente entre o SUS (n = 24; 24%) e a rede privada (n = 64; 64%). A maioria dos pacientes (n = 48; 54,5%) acessou um a três sites. Os sites de clínicas de cirurgia plástica foram os mais procurados (n = 74; 84,1%), seguidos pelo site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Cinquenta por cento dos pacientes afirmaram ter encontrado informações contrárias sobre um mesmo assunto. Ainda assim, 71 (80,7%) dos entrevistados afirmaram se sentir seguros em realizar a cirurgia. CONCLUSÕES: A internet foi significativamente utilizada na busca de informações sobre cirurgia plástica. Independentemente da contradição entre as informações encontradas nos sites, a maioria dos pacientes sentiu-se segura em realizar o procedimento cirúrgico desejado.

Palavras-chave: Internet. Informação. Cirurgia plástica.

 

Epidemiological profile of patients with skin cancer treated at the Regional Hospital of Asa Norte/DF - Brazil

Altino Vieira de Rezende Filho; Heloiza Gutierrez Yamamoto; Jefferson Lessa Soares de Macedo; Cristiano Gonçalves Fleury Curado; José Luiz de Oliveira; Marcos Antônio Peixoto de Carvalho; Ocimar Barbosa Trindade; Ivam Pereira Mendes
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(3):316-321 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Skin cancer is the most common neoplasm in the Brazilian population, corresponding to 30% of all malignant tumors registered in the country. Non-melanoma malignant tumors are the type of cancer with the highest incidence and prevalence in Brazil. Basal cell carcinoma (BCC) is the most common, accounting for between 70% and 75% of cases. Squamous cell carcinoma (SCC) accounts for 20% of cases. The objective is to determine the epidemiological profile, the types and subtypes found in the histopathological results, the surgical conduct and its effectiveness in patients with a suspected malignant skin lesion.
Methods: A retrospective descriptive study, based on the analysis of electronic medical records for resection of skin lesions suspected of malignancy, carried out by the Plastic Surgery team at the Regional Hospital of Asa Norte, Brasília/DF, from January 2012 to December 2016.
Results: 533 patients were submitted to surgery, being female (51.6%), with a mean age of 68.97 years and 84% diagnosed with basal cell carcinoma with solid subtype. The compromised margins reached 11% of the sample. The most prevalent reconstructions were primary closure and local flaps.
Conclusion: The epidemiological profile of patients treated with lesions suspected of skin cancer showed prevalence in women over 60 years with a history of sun exposure. The face was the most affected site, the nose being the most common topography. BCC is the most common type, and the circumscribed solid subtype was the most prevalent. The most used type of reconstruction was primary closure and local flap.

Keywords: Basal cell carcinoma; Skin cancer; Margin compromise; Excision margins; Surgical flaps; Plastic surgery.

 

RESUMO

Introdução: O câncer de pele é a neoplasia mais comum na população brasileira, correspondendo a 30% de todos os tumores malignos registrados no país. Os tumores malignos não melanoma são o tipo de câncer de maior incidência e prevalência no Brasil. O carcinoma basocelular (CBC) é o mais comum, correspondendo entre 70% e 75% dos casos. O carcinoma epidermóide (CEC) responde por 20% dos casos. O objetivo é determinar o perfil epidemiológico, os tipos e subtipos encontrados nos resultados de histopatológico, a conduta cirúrgica e sua eficácia, dos pacientes com suspeita de lesão maligna de pele.
Métodos: Estudo retrospectivo descritivo, baseado na análise de prontuário eletrônico de ressecção de lesões de pele suspeitas de maligna, pela equipe da Cirurgia Plástica do Hospital Regional da Asa Norte, Brasília/DF, no período de janeiro de 2012 a dezembro de 2016.
Resultados: Foram submetidos à cirurgia 533 pacientes, sendo sexo feminino (51,6%), com média de idade de 68,97 anos e 84% com diagnóstico de carcinoma basocelular com subtipo sólido. As margens comprometidas atingiram 11% da amostra. As reconstruções mais prevalentes foram fechamento primário e retalhos locais.
Conclusão: O perfil epidemiológico dos pacientes atendidos com lesões suspeitas de câncer de pele demonstrou prevalência em mulheres e acima de 60 anos, com história de exposição solar. A face foi o local mais acometido, sendo o nariz a topografia mais comum. O CBC é tipo mais comum e o subtipo sólido circunscrito foi o mais prevalente. O tipo de reconstrução mais utilizado foi o fechamento primário e o retalho local.

Palavras-chave: Carcinoma basocelular; Câncer de pele; Comprometimento de margem; Margens de excisão; Retalhos cirúrgicos; Cirurgia plástica

 

Informed consent: Why and how?

Marco Antonio Cavalcanti
Rev. Bras. Cir. Plást. 2005;20(4):241-244 - Special Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

This article approaches the importance of the Informed Consent, considering the ethical and legal aspects involved in its adoption.

Keywords: Informed Consent. Patient rights. Ethics, medical. Duty to warn

 

RESUMO

Este artigo discute a importância do Consentimento Esclarecido, considerando os aspectos éticos e legais envolvidos na sua adoção.

Palavras-chave: Consentimento esclarecido. Direitos do paciente. Ética médica. Responsabilidade pela informação

 

Ischiatic pressure ulcers with osteomyelitis: treatment with ischiectomy

Andrea Maria de Oliveira, Bruno Lombardi, Luiz Scoppetta
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(1):100-102 - Original Article

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Ischiatic pressure ulcers are lesions of difficult treatment and high relapse rates, especially when associated with osteomyelitis. For their adequate handling, the need of a multidisciplinary team is essential, based on the clinical and radiological recognition of the osseous jeopardy, adequate antibiotic therapy, nutritional support, hyperbaric therapy and surgical treatment comprising a wide range debridement and coverage of the soft parts, using reconstructive techniques. Methods: The present work is based on 18 handcaps patients who are wheelchair users and have ischial pressure ulcers associated with osteomyelitis, all of them submitted to surgical treatment and a post-surgical follow-up period from 6 months to 5 years and 4 months, during the period from February, 2004 to June, 2009. These patients were submitted to the modified ischiectomy technique, with preservation of the insertion of the gracilis muscle, and subsequent cutaneous coverage with varied techniques, isolated or associated with cutaneous, fasciocutaneous, muscularis and, myocutaneous flaps. Results: The present work states that extended ischiectomy is the most important point for the resolution of the osseous infective process, and the possibility of using the gracile muscle muscularis flap, associated or not with other reconstruction techniques is a technical option, in the sense of occluding the osseous lacuna and allowing the use of adjuvant antibiotic therapy.

Keywords: Pressure ulcer/treatment. Skin ulcer. Osteomyelitis.

 

RESUMO

Introdução: Úlceras por pressão isquiáticas são lesões de difícil tratamento e altas taxas de recidivas, principalmente quando associadas à osteomielite. Para o seu adequado manejo, impõe-se a necessidade de equipe multidisciplinar, apoiada no reconhecimento clínico e radiológico do comprometimento ósseo, antibioticoterapia adequada, suporte nutricional, terapia hiperbárica e tratamento cirúrgico com amplo debridamento e cobertura de partes moles, com técnicas de reconstrução. Método: O presente trabalho foi baseado em 18 pacientes cadeirantes e portadores de úlceras por pressão com osteomielite associada, todos submetidos a tratamento cirúrgico e acompanhados por um período de pós-operatório de 6 meses a 5 anos e 4 meses, no período de fevereiro de 2004 a junho de 2009. Estes pacientes foram submetidos à técnica de isquiectomia modificada, com preservação da inserção do músculo gracilis, e subsequente cobertura cutânea com variadas técnicas isoladas ou associadas de retalhos cutâneos, fasciocutâneos, musculares, e miocutâneos. Resultados: O trabalho demonstra que a ampla isquiectomia é o ponto crucial para a resolução do processo infeccioso ósseo, e a possibilidade da utilização do retalho muscular do músculo gracilis, associado ou não a outras técnicas de reconstrução, é uma opção técnica, no sentido de ocluir a lacuna óssea e proporcionar a entrada da antibioticoterapia adjuvante.

Palavras-chave: Úlcera por pressão/tratamento. Úlcera cutânea. Osteomielite.

 

Burn lesions with progression to neoplasia: Marjolin's ulcer

Thiago Maciel Valente; Mateus Pinheiro Fernandes Feitosa Arrais; Bárbara Matos De Carvalho Borges; Samy Lima Carneiro; Maressa Cavalcante Fernandes de Albuquerque; Nelson Gurgel Simas de Oliveira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(3):399-404 - Review Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Introduction: Marjolin's ulcer is defined as a malignancy within scars that is usually chronic and results from several lesion types, with burn injuries being the most common. Methods: A bibliographic survey was conducted of the Virtual Health Library, PubMed, Scientific Electronic Library Online, and Cochrane databases using the inclusion criteria of studies published in the last 5 years, human studies, and published in English or Portuguese. Results: A total of 31 studies were analyzed, of which only 6 were included in the final sample. Discussion: Marjolin's ulcer is found in old burn scars and can occur anywhere, but it is more common in the upper and lower limbs. The diagnosis begins with the clinical suspicion based on lesion characteristics: chronic unhealed ulcerative lesions with high and hardened edges, an unpleasant odor, and purulent discharge. However, the diagnosis can only be made histopathologically. The latency period between injury and malignancy is 30-35 years. Although treatment should be individualized since it depends on several factors, surgical excision is considered the gold standard. Conclusion: Knowledge about this condition is essential to better patient prognosis and prevent underestimation of possible cases of malignancy, allowing for appropriate therapy to minimize recurrence and enabling prophylactic measures to prevent burn injury and reduce risk factors for malignancy.

Keywords: Burns; Skin ulcer; Carcinoma; Healing; Plastic surgery

 

RESUMO

Introduction: Marjolin's ulcer is defined as a malignancy within scars that is usually chronic and results from several lesion types, with burn injuries being the most common. Methods: A bibliographic survey was conducted of the Virtual Health Library, PubMed, Scientific Electronic Library Online, and Cochrane databases using the inclusion criteria of studies published in the last 5 years, human studies, and published in English or Portuguese.
Results: A total of 31 studies were analyzed, of which only 6 were included in the final sample.
Discussion: Marjolin's ulcer is found in old burn scars and can occur anywhere, but it is more common in the upper and lower limbs. The diagnosis begins with the clinical suspicion based on lesion characteristics: chronic unhealed ulcerative lesions with high and hardened edges, an unpleasant odor, and purulent discharge. However, the diagnosis can only be made histopathologically. The latency period between injury and malignancy is 30-35 years. Although treatment should be individualized since it depends on several factors, surgical excision is considered the gold standard.
Conclusion: Knowledge about this condition is essential to better patient prognosis and prevent underestimation of possible cases of malignancy, allowing for appropriate therapy to minimize recurrence and enabling prophylactic measures to prevent burn injury and reduce risk factors for malignancy.

Palavras-chave: Queimaduras; Úlcera cutânea; Carcinoma; Cicatrização; Cirurgia plástica

 

Fibroproliferative disorders: report and discussion on keloid management

MARCELUS VINICIUS DE ARAÚJO SANTOS NIGRO; SARA MERLIN MASCHIETTO; RENATA DAMIN; Giovana Landal de Almeida Lobo
Rev. Bras. Cir. Plást. 2020;35(4):487-490 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Fibroproliferative disorders are expressed in hypertrophic scars and keloids, the latter being more aggressive and derived from an abnormal healing process. They are multifactorial and relate to physical, chemical, biological, and endogenous agents. They have a genetic predisposition, with a higher incidence in Asian and black people. The therapeutic modalities comprise most of the times: compression of the keloid, cryosurgery, application of silicone plates, surgical excision isolated or followed by radiotherapy, laser application, and intralesional injection of corticosteroids. The study aims to report a considerable keloidtype fibroproliferative disorder with a high therapeutic response and discuss its etiologies and various therapeutic modalities.

Keywords: Keloid; Scar; Plastic surgery; General surgery; Skin

 

RESUMO

Os distúrbios fibroproliferativos expressam-se pelas cicatrizes hipertróficas e pelos queloides, sendo estes últimos mais agressivos e derivados de um processo anormal da cicatrização. São multifatoriais relacionando-se com agentes físicos, químicos, biológicos e endógenos. Apresentam predisposição genética, com incidência maior em orientais e negros. As modalidades terapêuticas compreendem, na maioria das vezes: compressão do queloide, criocirurgia, aplicação de placas de silicone, exérese operatória isolada ou seguida de radioterapia, aplicação de laser e injeção intralesional de corticoesteroides. O objetivo do estudo é relatar um caso de distúrbio fibroproliferativo do tipo queloide de grandes dimensões com alta resposta terapêutica e discutir suas etiologias e diversas modalidades terapêuticas.

Palavras-chave: Queloide; Cicatriz; Cirurgia plástica; Cirurgia geral; Pele

 

Giant juvenile xanthogranuloma: diffuse and simultaneous palpebral involvement

Henri Friedhofer; Aneta Hionia Vassiliadis; Rodolfo Costa Lobato; Vanessa Anne Mohr-Bell; Mateus Neves Da Silva de Jesus; Maira Benito Scapolan; Rolf Gemperli
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):557-560 - Case Report

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Juvenile xanthogranuloma (JXG) is the most common benign tumor of the group of non-Langerhans histiocytic proliferative diseases. Lesions; 2 cm are considered giant JXG, with reports of lesions of up to 18 cm. Oculopalpebral lesions may require surgical treatment to control symptoms. This study reports a case of an 8-year-old boy who had four eyelids and the middle third of the face affected by giant JXG. He underwent three resections, one of which was of great depth that required a full-thickness skin graft directly on the levator palpebrae superioris aponeurosis. Subsequently, three fat-grafting procedures were performed and adequate functional and aesthetic results were achieved without lesion recurrence.

Keywords: Plastic surgery; Eye; Juvenile xanthogranuloma; Myocutaneous flap; Skin transplantation.

 

RESUMO

O xantogranuloma juvenil (XGJ) é um tumor benigno e o mais comum do grupo das doenças histiocitárias proliferativas nãoLangerhans. Lesões; 2cm são consideradas XGJ gigantes, com relatos de lesões de até 18cm. Lesões oculopalpebrais podem necessitar de tratamento cirúrgico para controle de sintomas. Esse trabalho relata o caso de um menino de 8 anos que teve as 4 pálpebras acometidas por XGJ gigantes, além do terço médio. Ele foi submetido a 3 ressecções, sendo uma bastante profunda, necessitando enxerto de pele de espessura total diretamente sobre o músculo levantador da pálpebra superior. Posteriormente, 3 procedimentos de lipoenxertia foram realizados, atingindo resultado funcional e estético adequado, sem recorrência lesional.

Palavras-chave: Cirurgia plástica; Olho; Xantogranuloma juvenil; Retalho miocutâneo; Transplante de pele

 

Pressure ulcers

Bismarck Ascar Sauaia; Rayssa Yasmin Pereira Sauaia; Ana Rita da Silva Nunes; Brenno Raniere da Silva Araújo; Bruno Lobão Fernandes; Carolina Ramos Oliveira; Eliara Laísa Cirino de Oliveira Lima; Ester Godinho Sousa
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(4):582-583 - Letter to the Editor

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

Bedside information on the need for repositioning the patient at 2-h intervals to avoid the appearance of pressure ulcers can reduce hospitalization time, risk of skin lesions, and maintenance costs.

Keywords: Information. Time of hospitalization. Ulcer. Skin. Plastic Surgery.

 

RESUMO

As informações no leito, sobre a necessidade de manobras do paciente, em intervalos de 2h, para evitar o aparecimento de lesões por pressão podem reduzir o tempo de permanência, diminuir o risco de lesões de pele e os custos de manutenção do paciente.

Palavras-chave: Informação; Tempo de internação; Úlcera; Pele; Cirurgia plástica

 

Fechamento de defeito lombar secundário à mielomeningocele baseado nos pedículos secundários do retalho musculocutâneo ilhado reverso do latíssimo do dorso: um relato de caso

GUILHERME FERREIRA SEDÍCIAS; KLEITON CARDOZO BOSCHI; IGOR RUDAH SANTOS SANTANA; JULIA LEAL DANTAS VASCONCELOS; MAYARA RAYSSA DANTAS BORGES; EDILSON XAVIER JUNIOR
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.3):64-66 - Articles

PDF Portuguese

RESUMO

Introdução: A mielomeningocele ou espinha bífida aberta é uma malformação congênita da coluna vertebral que ocorre nas primeiras quatro semanas de gestação, decorrente do defeito de fechamento do tubo neural. Na atualidade se dispõem de diferentes técnicas reconstrutivas para o fechamento dos defeitos da linha média, tanto cervicais, como torácicos, lombares e sacrais. A eleição da técnica dependerá da natureza do defeito, de seu tamanho e profundidade, do tecido disponível para a reconstrução e das condições clínicas e nutricionais do paciente.
Objetivos: Relatar um caso de um paciente com sequelas de mielomengingocele, cujo tratamento reconstrutivo da úlcera crônica lombar foi realizado com retalho reverso e ilhado do músculo latíssimo do dorso, após múltiplas tentativas de reconstrução com outras técnicas sem sucesso.
Relato de Caso: Uma criança de 7 anos de idade foi encaminhada ao setor de cirurgia plástica, com o objetivo de reconstruir uma grande área ulcerada na região lombar, de forma ovóide, aproximadamente de 10,0cm x 8,0cm, secundária à mielomeningocele.
Discussão: O paciente foi submetido ao fechamento do defeito lombar (úlcera crônica) com retalho musculocutâneo ilhado reverso do latíssimo do dorso.
Conclusão: O uso do retalho do músculo grande dorsal reverso é uma boa opção para a cobertura de grandes defeitos da região toracolombar e o planejamento cirúrgico é simples, seguro e sua morbidade pós-operatória é mínima, atingindo um resultado estético satisfatório tanto para o paciente quanto para o cirurgião plástico.

Palavras-chave: Meningomielocele; Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos; Retalho miocutâneo; Cirurgia plástica; Úlcera cutânea

 

Reconstruction of pelviperineal injuries with perforator flaps: clinical experience with 22 cases

Guilherme Cardinali Barreiro; Lincoln Saito Millan; Hugo Nakamoto; Eduardo Montag; Paulo Tuma Jr.; Marcus Castro Ferreira
Rev. Bras. Cir. Plást. 2011;26(4):680-684 - Original Article

PDF Portuguese PDF English

ABSTRACT

INTRODUCTION: Plastic surgery consultation is commonly sought for the treatment of pelviperineal injuries in general hospitals. The objective of this study was to present the experience acquired in the treatment of perineal, sacral, and hip injuries with the use of perforator flaps. METHODS: Patients referred to the Plastic Surgery Division of the Clinical Hospital of Medicine College of Universidade de São Paulo for evaluation of pelviperineal and hip wounds from February to May 2009 were retrospectively evaluated. A total of 22 patients underwent reconstruction with skin and fasciocutaneous flaps based on the perforator vessels, according to the inclusion criteria. The average follow-up period was 6 months. RESULTS: Pelviperineal injuries consisted of pressure ulcers in 20 cases (91%), deep infection in 1 case (45%), and perineal hidradenitis in 1 case (4.5%). The choice of flap for reconstruction was dependent on the local wound: 15 cases (68.2%) of sacral ulcers were repaired with a superior gluteal artery perforator flap; 3 cases (13.6%) of ischial ulcers were repaired with an inferior gluteal artery perforator flap; and 2 cases (9.1%) of trochanteric ulcers were repaired using a tensor fascia lata perforator flap. A fasciocutaneous gluteofemoral flap was selected for reconstruction of post Fournier' syndrome in 1 patient and was used after resection of perineal hidradenitis in 1 patient. A new suture for late primary closure was necessary in 3 (13.6%) cases in which the suture line dehiscence was < 10% of the injury perimeter during the first 15 post-operative days. There were no cases of > 3% necrosis of the flap surface. These results were maintained during the follow-up evaluation period. CONCLUSIONS: The results of the study were satisfactory, and the utility of surgical flaps without the incorporation of muscle for pelviperineal reconstruction was demonstrated. This treatment alternative decreases donor site morbidity and preserves the muscular tissue for future interventions.

Keywords: Perineum. Wounds and injuries. Pressure ulcer. Surgical flaps. Plastic surgery.

 

RESUMO

INTRODUÇÃO: As lesões pelveperineais representam grande parcela das interconsultas para o cirurgião plástico em hospitais gerais. O objetivo do presente trabalho é apresentar a experiência obtida no tratamento de pacientes com lesões perineais, sacrais e de quadril com o uso de retalhos com vasos perfurantes. MÉTODO: Foram estudados, retrospectivamente, os pacientes submetidos a avaliação pela equipe da Divisão de Cirurgia Plástica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, nos meses de fevereiro a maio de 2009, que apresentavam feridas em região pelveperineal e no quadril. No total, 22 pacientes foram submetidos a reconstrução com retalhos cutâneos e fasciocutâneos baseados em vasos perfurantes, de acordo com os critérios de inclusão. O período de seguimento médio foi de 6 meses. RESULTADOS: A lesão pelveperineal foi úlcera por pressão em 20 (91%) casos, infecção profunda em 1 (4,5%), e hidradenite perineal em 1 (4,5%). A opção dos retalhos foi previamente estabelecida, dependendo do local da ferida: úlceras sacrais, retalho baseado nas perfurantes da artéria glútea superior em 15 (68,2%) casos; úlceras isquiáticas, retalho baseado nos vasos perfurantes da artéria glútea inferior em 3 (13,6%) casos; e úlceras trocantéricas, retalho tensor da fascia lata perfurante em 2 (9,1%) casos. Retalho fasciocutâneo inervado gluteofemoral foi a opção para a reconstrução pós-síndrome de Fournier em um paciente e após ressecção de hidradenite perineal em outro. Houve necessidade de nova sutura para fechamento primário tardio em deiscência < 10% do perímetro da lesão em 3 (13,6%) casos, durante os primeiros 15 dias de pós-operatório. Não houve casos de necrose > 3% da superfície do retalho. Os resultados foram mantidos no período de seguimento avaliado. CONCLUSÕES: Os resultados obtidos no presente estudo foram satisfatórios e ficou demonstrada a utilidade de retalhos cirúrgicos sem incorporação de músculo para reconstruções pelveperineais. Essa alternativa para tratamento é menos mórbida para as áreas doadoras e preserva o tecido muscular para possível intervenção futura.

Palavras-chave: Períneo. Ferimentos e lesões. Úlcera de pressão. Retalhos cirúrgicos. Cirurgia plástica.

 

Vaginal Reconstruction Using McIndoe Technique in Adult Patient with Rokitansky Syndrome: Case Report

MIGUEL ENRIQUE RIVERA GOMEZ; PAULO EDUARDO MACEDO CARUSO; ROLANDO MENDOZA ROMERO; GABRIELA LÖW PAGLIARINI; RONALDO SCHOLZE WEBSTER; MARCOS RICARDO DE OLIVEIRA JAEGER
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.1):76-78 - 35ª Jornada Sul Brasileira de Cirurgia Plástica

PDF Portuguese

ABSTRACT

Mayer-Rokitansky-Kuster-Hauser syndrome is characterized by congenital aplasia of the vagina with possible absence of uterus and/or fallopian tubes and normal development of secondary sexual characteristics. One of the objectives of medical and surgical management is the construction of a neovagina that is functional for sexual relations. Non-surgical treatment with progressive perineal dilation is considered first-line therapy. Nonetheless, for patients for whom the non-surgical approach is not successful, surgery could be considered. In this case study we demonstrate the effectiveness of the McIndoe technique in the reconstruction of the vaginal canal through a skin graft of total thickness obtained from the inferior abdominal region, and graft fixation with a polyurethane foam mold. The confirmation of the provided extension of the vaginal canal, 8 cm long, was made with a MRI, and oversights with colposcopy were performed every 30 days for a year without any findings of stenosis.

Keywords: Congenital abnormalities; Skin transplantation; Vagina; Plastic surgery; Coitus

 

RESUMO

A síndrome de Mayer-Rokitansky - Kuster-Hauser (MRKH) é caracterizada por aplasia congênita da vagina com possível ausência simultânea de útero e/ou trompas de falópio com normal desenvolvimento de características sexuais secundárias. Um dos objetivos do manejo médico e cirúrgico é construir uma neovagina funcional para a relação sexual. O tratamento não cirúrgico com dilatação progressiva é considerado terapia de primeira linha. No entanto, para pacientes com tratamento não cirúrgico mal sucedido, a cirurgia pode ser considerada. Neste relato de caso demonstramos a efetividade da técnica de McIndoe na reconstrução do canal vaginal por meio da enxertia de pele de espessura total, obtida da região abdominal inferior e fixação do enxerto com molde de espuma de poliuretano. Confirmação da extensão prevista do canal vaginal, de 8 cm, foi realizada com ressonância magnética, e acompanhamentos com colposcopia foram realizados a cada 30 dias, durante um ano sem achados de estenose.

Palavras-chave: Anormalidades congênitas; Transplante de pele; Vagina; Cirurgia plástica; Coito

 

Lower extremities reconstructions after Marjolin's ulcer excision: cases report

Katia Torres Batista; Hugo José de Araújo; Aloysio Campos da Paz Junior
Rev. Bras. Cir. Plást. 2010;25(3):562-565 - Case Reports

PDF Portuguese

ABSTRACT

Introduction: Marjolin's ulcer is a rare complication of chronic scars that is most often associated with burn wounds. There was predominance developing in the lower extremities. Objective: To describe results in a serie of cases with Marjolin's ulcer in lower extremity admitted in the Hospital Sarah Brasilia, between 2001-2008. Case reports: We performed wide tumoral excision and reconstruction with grafts, sural reverse flap, amputation and rehabilitation program. Amputation was considered in cases where surgical excision is not possible. Differentiated squamous cell carcinoma was diagnosis by frozen section biopsy and histopathological analyze. There were no reports of disease recurrence after five years. Conclusion: The authors recommend the follow up and that unstable scars were evaluated with biopsy at regular intervals. If cancer is found wide excision is indicated and attention for functional adaptations with orthesis or prosthesis.

Keywords: Ulcer. Skin ulcer/etiology. Burns/complications.

 

RESUMO

Introdução: A úlcera de Marjolin é uma rara complicação de cicatrizes crônicas, mais comum após queimaduras, havendo predominância nos membros inferiores. Objetivo: Descrever uma série de pacientes com úlcera de Marjolin nos membros inferiores, atendidos no Hospital Sarah Brasília entre 2001-2008. Relato dos casos: Foram realizadas a excisão tumoral e a reconstrução com enxertia de pele; retalho sural reverso, amputação e programa de reabilitação. A amputação foi considerada nos casos em que não foi possível a reconstrução. Foi diagnosticado carcinoma epidermóide bem diferenciado por biopsia de congelação transoperatória e exame histopatológico. Não houve relato de recidiva após cinco anos. Conclusão: Os autores recomendam o seguimento e a avaliação de cicatrizes instáveis com biopsia em intervalos regulares. Nos casos diagnosticados de câncer realizar a excisão completa e atenção para as adaptações funcionais com órteses e próteses.

Palavras-chave: Úlcera. Úlcera cutânea. Queimaduras/complicações.

 

Abordagem cirúrgica do pescoço alado em uma paciente com Síndrome de Turner: relato de caso

HIANGA FAYSSA FERNANDES SIQUEIRA; JORGE LUIZ DE ALMEIDA TEIXEIRA; INARA SUELANE PONTES NOGUEIRA; MARCOS MARINHO LOPES; ÉRIKA ANDRESSA SIMÕES DE MELO; MARIA EDUARDA DOS SANTOS TAVARES DE LIRA
Rev. Bras. Cir. Plást. 2019;34(Suppl.3):109-111 - Articles

PDF Portuguese

RESUMO

Introdução: A síndrome de Turner é uma condição genética que leva a alterações fenotípicas e estéticas no indivíduo. As principais alterações consistem na presença de pescoço alado (Pterygium colli) e no prolongamento do couro cabeludo na face posterior do pescoço. Várias técnicas cirúrgicas foram desenvolvidas para corrigir essas alterações, contudo ainda não há um consenso sobre a melhor abordagem.
Objetivo: Relatar o uso da zetaplastia escalonada para a correção cirúrgica do pescoço alado.
Método: Trata-se de um relato de caso de uma paciente com diagnóstico de síndrome de Turner, apresentando pescoço alado, cuja técnica cirúrgica utilizada foi a zetaplastia escalonada.
Resultados: A correção resultou em um bom contorno cervical, sem restrição da movimentação. Todavia apresentou como desvantagens, a cicatriz aparente e hipertrófica e o deslocamento do couro cabeludo para a superfície lateral do pescoço.
Conclusão: A técnica cirúrgica escolhida permitiu uma redução efetiva do pescoço alado, mas apresentou algumas desvantagens.

Palavras-chave: Síndrome de Turner; Cirurgia plástica; Retalhos cirúrgicos; Anormalidades congênitas; Anormalidades da pele

 

Indexers

Licença Creative Commons All scientific articles published at www.rbcp.org.br are licensed under a Creative Commons license